Nas Bancas

"Grande tristeza": Harry fala sobre a decisão de afastar-se dos deveres reais

O Duque de Sussex também agradeceu o apoio da avó.

CARAS
20 de janeiro de 2020, 12:18

Quase duas semanas após o anúncio do seu afastamento como membro sénior da família real, o príncipe Harry falou pela primeira vez sobre o assunto em público. O duque de Sussex participou num evento em Londres, este domingo, dia 19, da Sentebale, instituição que promove a saúde mental e o bem-estar de crianças afetadas pelo VIH.

"Quero que escutem a verdade por mim, não como um príncipe ou um duque, mas como Harry, a pessoa que muitos de vocês viram crescer nos últimos 35 anos", começou por dizer Harry, que falou ainda de sua 'grande tristeza' ao deixar a família real e disse que ele e Meghan não tinham 'outra opção' além de deixar os deveres reais.

"Depois de Meghan e eu nos casarmos, ficámos empolgados. Estávamos esperançosos e estávamos aqui para servir. Por estes motivos, sinto uma grande tristeza por ter chegado a isto", disse o duque, ao reforçar que não foi fácil tomar a decisão de afastamento. “Quero esclarecer que não os estamos a abandonar. A nossa esperança era continuar a servir, mas sem recursos públicos. Infelizmente, isto não foi possível".

O príncipe Harry lembrou ainda: "O Reino Unido é o meu lar e um lugar que amo, isto nunca vai mudar”.

Harry e Meghan anunciaram também recentemente os seus planos de viverem no Canadá. "Continuarei sendo o mesmo homem que valoriza o seu país e dedica sua vida a apoiar as causas, instituições de caridade e comunidades militares que são tão importantes para mim". E continua: “Mas esperam que entendem porque cheguei aqui, porque afastaria a minha família de tudo que já conheci para dar um passo em frente rumo ao que espero que possa ser uma vida mais pacífica. Nasci nesta vida e é uma grande honra servir o meu país e a rainha. Quando perdi a minha mãe, há 23 anos, vocês protegeram-me. Observam-me há tanto tempo, mas os media são uma força poderosa e minha esperança é que um dia o apoio coletivo um ao outro possa ser mais poderoso, porque isto é muito maior do que apenas nós ".

Durante o discurso, Harry não poupou elogios à avó, Isabel II. “Terei sempre o maior respeito pela minha avó, a minha comandante, e estou-lhe incrivelmente grato, a ela e ao resto da minha família pelo apoio que demonstraram, tanto a mim como à Meghan nos últimos meses.”

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras