Nas Bancas

Depois de 'lançar' a crise, duquesa de Sussex regressa ao Canadá

A decisão não agradou à família.

CARAS
10 de janeiro de 2020, 11:35

Harry e Meghan estiveram sete semanas no Canadá, a passar o Natal, e regressaram no início do ano a Inglaterra. Na agenda, estava um anúncio que agitou a opinião pública britânica e a família real.

Após terem tornado pública a decisão de deixarem de ser “membros séniores” da casa real - que está envolta em polémica, nomeadamente porque a rainha Isabel II não sabia que iam fazer o comunicado -, a duquesa de Sussex voltou ao Canadá, onde ficara o filho Archie, ao cuidado de uma ama e da melhor amiga de Meghan, Jessica Mulroney.

Desconhece-se se esta viagem de Meghan será breve ou se faz parte dos seus planos ficar no Canadá um período mais alargado.

Esta quinta-feira, o Daily Mail avançou que o príncipe Harry não ficou muito tempo sozinho e terá apanhado um voo durante a noite para o mesmo destino, o que "surpreendeu" o resto dos membros da família real, dado que a 'saída' do casal está neste momento a ser discutida em Buckingham.

Recordamos que esta quarta-feira, dia 8, Harry e Meghan anunciaram a decisão de abandonar a maior parte de seus compromissos como membros da realeza para começar a trabalhar por conta própria na América do Norte.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras