Nas Bancas

O motivo para Kate e Meghan terem estado separadas nos dois últimos eventos do Dia do Armistício

A expectativa era grande para ver as duquesas juntas depois de quatro meses sem aparecerem em eventos públicos.

Caras
10 de novembro de 2019, 13:10

Neste fim de semana William, Kate, Harry e Meghan voltaram a estar juntos depois de quatro meses sem surgirem no mesmo evento público. O reencontro deu-se a propósito das celebrações do Dia do Armistício. No sábado, 9 de novembro, os duques de Cambridge e de Sussex participaram do Festival of Remembrance, no Royal Albert Hall, em Londres, e neste domingo, dia 10, estiveram no evento em homenagem aos mortos em conflito, no Cenotáfio. Porém, em nenhum destes eventos Kate e Meghan estiveram lado a lado.

O motivo para as duas cunhadas não se terem cruzado tem a ver com o protocolo real. No caso do concerto no Royal Albert Hall, que aconteceu no sábado, dia 9, a família deve sentar-se por ordem de relevância. Ou seja, a rainha senta-se ao centro, cercada à esquerda pelo herdeiro ao trono, o príncipe Carlos, e à direita por William, o segundo na linha de sucessão, ambos acompanhados das mulheres.

Harry é o sexto na linha de sucessão ao trono, e por isso fica na segunda fila, junto da princesa Ana e o seu marido, e os condes de Wessex.

No caso do evento de domingo, 10, Kate e Meghan ficaram separadas basicamente pelo mesmo motivo. Em 2018 Kate já ocupou o lugar de destaque na varanda, ao lado da rainha, já que o príncipe Philip retirou-se da vida pública. Portanto, a duquesa de Cambridge ocupou o seu lugar.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras