Nas Bancas

Será que Harry e Meghan passam a ter de fazer uma vénia a William e Kate a partir de agora?

Os Duques de Sussex deixaram de ser membros séniores da família real.

CARAS
22 de janeiro de 2020, 15:27

Harry e Meghan enfrentam um período de mudanças desde que decidiram afastar-se da realeza. Além de afirmarem desejar a sua independência financeira - também se comprometeram a devolver dinheiro aos contribuintes -, o casal abandonou o núcleo sénior da família britânica e perdeu o estatuto de Sua Alteza Real. Com tantas alterações, os Sussex afastaram-se ainda mais, a nível de protocolo, de William e Kate e fizeram surgir uma dúvida: como devem cumprimentar os Cambridge a partir de agora?

William e Kate sempre tiveram uma posição mais alta na linha de sucessão. No entanto, a realeza britânica raramente faz vénia ou reverência entre si - esta honra é reservada principalmente para a rainha, Isabel II, ao seu marido, príncipe Philip, e aos monarcas estrangeiros. Assim, Harry e Meghan provavelmente não devem usar esta formalidade com os duques de Cambridge.

Não há códigos obrigatórios de conduta quando se encontra a rainha ou qualquer outro membro da realeza, embora seja comum as pessoas aderirem às cortesias tradicionais. No caso dos homens “trata-se de um curvar de pescoço (somente da cabeça), enquanto as mulheres fazem uma pequena reverência. Outras pessoas preferem simplesmente apertar as mãos da maneira habitual", diz o site oficial da família real.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras