Nas Bancas

Eugénio Campos apresenta projeto a plateia de amigos

Várias caras conhecidas apoiaram o joalheiro portuense no lançamento, em Lisboa, da sua loja “online”.

Andreia Cardinali
24 de dezembro de 2019, 16:00

Apesar da presença forte no mercado, o joalheiro Eugénio Campos ainda não tinha uma loja online. Porque sentiu essa necessidade, e também porque tinha vontade de internacionalizar a sua marca, decidiu dar esse passo com um projeto que apresentou em Lisboa, perante vários dos amigos que o têm acompanhado ao longo dos anos, entre eles Sónia Araújo, Diana Pereira, José Raposo e Liliana Santos. “Já precisávamos de ter uma loja aberta ao mundo e também um catálogo digital, para que o público em geral possa visitar as nossas coleções. Pretendemos dinamizar a marca, trazer-lhe maior notoriedade e uma outra visibilidade. Acredito que este projeto nos vai fortalecer e levar ao encontro de um outro público nacional que cada vez mais quer é comprar online. E depois, também queremos chegar aos quatro cantos do mundo”, justificou o joalheiro.
Sónia Araújo foi das primeiras mulheres famosas a ser embaixadora da marca portuense, o que lhe permitiu criar uma relação de amizade com a família: “Já são muitos anos de parceria, conheço a empresa por dentro e por fora. Conheço os funcionários um a um, a oficina, sei como se fazem e nascem as peças e faço mesmo parte desta grande família. Para mim, tem sido muito engraçado ver o crescimento da marca, do Eugénio e da Rosa Maria e observar agora como os filhos seguem com o sonho do pai. É muito bonito. Além disso, sou fã assumida das joias e da forma como eles têm conseguido acompanhar as tendências, mantendo-se sempre no topo da joalharia em Portugal.”
José Raposo foi dos poucos homens a marcar presença nesta tarde e destacou a amizade e a admiração que sente pelo anfitrião: “Já somos amigos há muitos anos, por isso sinto-me na obrigação de estar presente. A Sara [Barradas] não pôde vir comigo porque está a trabalhar. Admiro imenso toda a família e a forma como são unidos e dedicados a este sonho.”
Fã confessa de joias, Isabel Angelino também é uma admiradora do trabalho de Eugénio Campos. “As joias do Eugénio Campos são sempre muito especiais, sobretudo porque, quando ele as imagina, já trazem uma história com elas.”

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras