Nas Bancas

Madalena e Carl Philip da Suécia reagem à decisão inédita do pai, o rei Carlos Gustavo

O monarca comunicou que os filhos dos príncipes deixam de fazer parte da Casa Real.

CARAS
7 de outubro de 2019, 16:00

Horas depois de a coroa sueca ter difundido um comunicado em que anunciava que os filhos dos príncipes Carl Philip e Madalena da Suécia deixam de pertencer à Casa Real e, portanto, deixam de poder usar o título de Alteza Real, os dois filhos do monarca recorreram às redes sociais para se pronunciarem sobre o sucedido.

"Hoje de manhã a Coroa publicou que a Leonore, o Nicolás e a Adrienne já não vão pertencer à Casa Real", começou por escrever Madalena, num texto que partilhou juntamente com uma imagem em que aparece a sorrir com os três filhos. "Esta decisão foi ponderada durante muito tempo. O Chris [O'Neill, marido da princesa] e eu pensamos que é bom que os nossos filhos tenham agora uma maior oportunidade para dar forma às suas próprias vidas como indivíduos no futuro", concluiu.

Também o príncipe Carl Philip, quase em simultâneo, usou a mesma rede social para falar sobre o tema. "O rei anunciou a decisão de que os nossos filhos já não têm o cargo de Alteza Real. Vemos isto como muito positivo tanto para Alexander como para Gabriel, já que poderão ter opções de vida mais livres. Vão conservar os seus títulos de príncipe e os seus ducados, Södermanland e Dalarna, que valorizamos e dos quais nos sentimos orgulhosos. A nossa família tem fortes conexões com os dois lugares e mantemos o nosso compromisso com eles. Continuaremos focados nos nossos compromissos. Também continuaremos a apoiar o rei e a princesa herdeira, nossa futura chefe de Estado e participaremos nas atividades da casa do rei", escreveu, junto a uma foto onde surge com a mulher, Sofia, e dois filhos, Alexander e Gabriel.

De salientar que a partir de agora os príncipes Leonore, Nicolás, Adrienne, Alexander e Gabriel ficarão livres para, quando crescerem, poderem escolher a profissão que preferirem, sem restrições. Têm também a oportunidade de vir a ter negócios se assim o desejarem, não estando previsto que recebam qualquer ajuda financeira da Casa Real.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras