Nas Bancas

Princesa Mette-Marit diagnosticada com doença pulmonar

A notícia foi divulgada pela própria e pela casa real.

CARAS
25 de outubro de 2018, 11:04

Aos 45 anos de idade, a princesa Mette-Marit, da Noruega, foi diagnosticada com fibrose pulmonar crónica. A mulher do príncipe herdeiro, Haakon, já sofria de problemas de saúde há vários anos e, apesar de tudo, está feliz por esta complicação ter sido detetada em fase inicial.

A princesa esteve sob inúmeras investigações relacionadas com a sua saúde e foi detetada uma incomum variante de fibrose nos pulmões, de acordo com o médico, o professor Kristian Bjøro, do Hospital Nacional. Ainda não é claro se a doença pulmonar está ligada a uma doença autoimune mais extensa ou se há outras causas por trás das mudanças nos pulmões”, pode ler-se no comunicado da corte.

Mette-Marit, por sua vez, fez acompanhar este documento da sua versão dos factos, “Há vários anos, tenho tido desafios a nível de saúde regularmente, e agora sabemos mais acerca deles. A condição significa que a minha capacidade de trabalho irá variar. O príncipe herdeiro e eu escolhemos informar isto agora, em parte porque, no futuro, haverá necessidade de planear períodos sem o programa oficial, conforme o tratamento e os momentos em que a doença estiver mais ativa”.

Apesar do atual diagnóstico, decidiu acrescentar, “Embora esta condição venha, por vezes, a limitar a minha vida, estou feliz por ter sido descoberta tão cedo. O meu objetivo é continuar a trabalhar e participar no programa oficial o máximo possível”. Recorde-se que, na passada primavera, a princesa já havia cancelado alguns atos que tinha agendados para ser submetida a uma pequena cirurgia, que não foi especificada.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras