Nas Bancas

Carolina do Mónaco repete vestido usado há sete anos

O modelo da Chanel foi recuperado pela princesa num evento no Casino de Montecarlo, mas não foi a única opção a ser repetida.

CARAS
13 de dezembro de 2017, 11:42

Carolina do Mónaco foi a anfitriã do jantar "A arte do jogo e o jogo da arte", uma gala surrealista organizada pelo arquiteto e designer belga Charles Kaisin, que decorreu no Casino de Montecarlo.
Para o evento, a princesa repetiu o vestido negro da Chanel que usou em 2010, no Ballo del Giglio (Baile do Lírio), em Florença. Os brincos, redondos e em prata, e os sapatos pretos com meias da mesma cor foram novamente uma aposta de Carolina do Mónaco, sete anos depois.
O modelo foi desenhado por Karl Lagerfeld e apresenta um corte de sereia feito com chiffon repleto de transparências e lantejoulas no decote e à volta da cintura.
A versão original tinha mais transparências, nomeadamente na zona da barriga e nas pernas, e era completado com detalhes turquesa. No entanto, a princesa optou por um look mais escuro para o evento surrealista, onde o excesso é bem-vindo.
A pochete em forma de livro foi também um detalhe repetido por Carolina. Já na edição passada de "A arte do jogo e o jogo da arte", em maio último, o detalhe surrealista da clutch foi uma escolha da princesa, a par das pulseiras feitas com os fios metálicos que envolvem as rolhas nas garrafas de champanhe.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras