Nas Bancas

Alberto do Mónaco fala sobre a morte da mãe, a princesa Grace

A antiga estrela de Hollywood morreu num trágico acidente de viação em setembro de 1982.

CARAS
13 de setembro de 2017, 18:00

Foram raras as vezes em que Alberto do Mónaco falou sobre a morte da mãe, a princesa Grace, mas esta semana voltou a fazê-lo durante um programa de televisão. O príncipe recordou a antiga estrela de Hollywood, que morreu num trágico acidente de carro em setembro de 1982, revelando como ultrapassou o luto quando tinha apenas 24 anos. “Demora um pouco. Recuperamos graças ao apoio da nossa família, dos amigos e às pessoas que são generosas connosco e nos dão conforto. Levou alguns anos para aceitar isso”, desse a Graham Bensinger no programa In Depth.
Alberto, de 59 anos, abordou ainda o facto de a irmã mais nova, Stéphanie, se encontrar no carro quando se deu o desastre. “Bem, levou algum tempo até recuperar de tudo isto. Era uma recordação muito dolorosa e demorou alguns anos a aceitar. Ela estava no carro com a nossa mãe e não conseguiu retirá-la com vida. Ficou ferida, claro, mas foi sem dúvida uma experiência traumática. Seria para qualquer pessoa”, explicou, sublinhando que o pai, o príncipe Rainier III, sofreu muito com a morte da mulher: “Ficou profundamente desolado com o acidente e nunca mais foi o mesmo homem. Na altura, disse-nos que tínhamos de ir para o hospital porque a nossa mãe e a nossa irmã tinha tido um acidente. Foi um momento chocante para mim, para ele e para a Carolina.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras