Nas Bancas

Príncipe Harry lança polémica ao querer proibir um dos jogos mais populares entre crianças e jovens

O assunto poderá criar celeuma entre pais e filhos.

CARAS
10 de abril de 2019, 12:28

O primeiro filho dos duques de Sussex ainda não nasceu, mas a mais recente decisão do príncipe Harry permite-nos tirar uma conclusão sobre a educação que dará ao seu primogénito. Todos os videojogos serão controlados e terão de passar pelo crivo do marido de Meghan. Foi durante uma recente visita a uma associação de jovens cristãos de Londres, a YMCA, que Harry atacou diretamente um dos videojogos que mais apaixona crianças e jovens: o Fortnite. Na opinião do duque de Sussex, os valores que fomenta nada têm de positivo no crescimento e formação dos mais novos.

As críticas a esta forma de entretenimento surgiram durante uma reunião a propósito da saúde mental. O filho mais novo do príncipe Carlos acredita que as consequências de não atuar refletir-se-ão no momento em que “o mal estiver feito, os jovens sairem pela porta e o elo familiar se quebrar. Qual é o benefício de ter esse jogo em casa?”, questiona o príncipe Harry, vislumbrando um cenário pertubador.

"É criado para ser viciante, um vício que te mantém à frente do computador o maior tempo possível. É muito irresponsável ", queixou-se, comparando este hábito a drogas ou álcool. "É muito mais perigoso porque é normalizado e não há restrições", assegurou o neto de Isabel II, que insistiu na necessidade de os pais expressarem sua preocupação por não saberem o que fazer a esse respeito.

O Fortnite foi lançado em 2017 e conta com 250 milhões de jogadores registados, grande parte dos quais menores de idade. Apesar de não ser recomendado para menores de 12 anos, muitos são os jovens a revelar comportamentos aditivos em relação a este jogo, que consiste em ser o último sobrevivente de 100 jogadores que lutam até à morte tendo como cenário uma ilha.

O tom crítico de Harry não o impediu de ser sensível durante a visita com os jovens. Contudo, o marido de Meghan, que se preparar para, a qualquer instante, ser pai pela primeira vez, não escondeu o seu desejo de ver os mais novos crescer com referências que não se baseiem na violência ou na competiçãqo desmedida.

Vídeo relacionado: príncipe Harry faz aula de ballet

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras