Nas Bancas

Afinal, Meghan queria que o pai tivesse ido ao seu casamento, revelam amigas íntimas da duquesa

Amigas da duquesa fazem novas revelações

CARAS
8 de fevereiro de 2019, 12:52

A relação de Meghan e o pai, já se sabe, tem sido conturbada pelas declarações que ele insiste em fazer à comunicação social. Geralmente Thomas Markle fala sobre a filha para tecer comentários depreciativos sobre a nova duquesa de Sussex e muitas das vezes deixa claro que a relação de ambos não funciona porque Meghan não quer que funcione.

Do lado da mulher de Harry o entendimento parece ser completamente diferente. De acordo com amigos próximos da antiga atriz que concederam uma entrevista à revista People sob anonimato, a relação de Meghan com o pai é um dos seus calcanhares de Aquiles. "Ela é filha dele, apesar de tudo a Meg tem muita simpatia por ele e gostava que a relação de ambos resultasse".

Um dos períodos mais conturbados desta relação de pai e filha aconteceu por alturas do casamento de Meghan e Harry quando se descobriu com Thomas, com a ajuda de uma irmã de Meghan, tinha sido pago para ser fotografado por um paparazzi. Ainda assim os duques de Sussex não desistiram de ter o pai da noiva no dia do casamento e chegaram mesmo a providenciar transporte para Thomas chegar a Londres.

"Quando o carro chegou para o levar para o aeroporto para apanhar o avião que o levaria ao casamento em Londres, ele não apareceu. Depois disso Meghan descobriu que o pai tinha tido um ataque cardíaco e ela ligava e mandava mensagens, até na noite anterior ao casamento, mas ele não atendia. Ela ficou mesmo muito preocupada", revela um dos melhores amigos da duquesa.

"Pai, eu amo-te e estou de coração partido. Por favor para de me atacar através dos meios de comunicação social para nós podermos reatar a nossa relação", terá escrito a Meghan numa carta que enviou ao pai depois do casamento para tentar reaproximar-se dele.

Na resposta dada através de uma longa carta o pai da duquesa de Sussex terminou pedindo-lhe uma "sessão de fotos com ela". Meghan terá ficado muito ofendida porque "isso é exatamente o oposto do que eu te estou a pedir", respondeu, de acordo com uma amiga ouvida pela People.

A relação de Thomas Markle com Doria Ragland, mãe de Meghan, terminou quando a duquesa tinha apenas dois anos. A relação com os meio-irmãos Samantha e Thomas Jr. nunca existiu porque na altura do divórcio eles eram adolescentes. Na verdade a própria Samantha só passou a usar o apelido Markle quando Meghan ficou noiva de Harry. "Eles deram a ideia de que eram irmão que tiveram uma zanga no passado, mas isso não é verdade. Todas as pessoas que conhecem a Meg sabem que eles nunca tiveram qualquer tipo de relacionamento"., conclui.

Veja no vídeo as frases mais amorosas que os amigo de Meghan disseram a seu respeito:

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras