Nas Bancas

Harry e Meghan dão nome a dois pássaros em Rainbow Springs

Os duques discutiram o facto de alguns pássaros icónicos de Rotorua estarem em vias de extinção.

CARAS
31 de outubro de 2018, 17:12

No último dia da visita oficial à Oceânia, os duques de Sussex visitaram um centro de conservação de Kiwis, uma conhecida espécie de pássaros, em Rotorua. Lá aprenderam como são tratadas aquelas aves, consideradas ícones nacionais, que se encontram em vias de extinção.

Num momento descontraído, Harry e Meghan tiveram ainda oportunidade de dar nome a dois dos animais, elegendo Koha e Tihei, dois conceitos Maori que, traduzidos, significam presente e espirro. Os duques inspiraram-se no ditado tihei mauri ora, que quer dizer o espirro da vida.

Após os dias chuvosos que se têm feito sentir, o casal conseguiu desfrutar de uns raios de sol no Te Papaiouru Marae, local onde se deu uma cerimónia de receção formal e onde receberam mantos tradicionais maori. Em breve os duques regressarão a Londres, após duas semanas cansativas, com visitas à Austrália, Fiji, Reino de Tonga e, por fim, Nova Zelândia.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras