Nas Bancas

GettyImages-995166498.jpg

WPA Pool

O motivo pelo qual Meghan ainda não é patrona de qualquer instituição

A mulher de Harry já é um membro oficial da realeza há três meses.

CARAS
10 de agosto de 2018, 11:05

Apesar de mostrar estar a integrar-se na realeza britânica, bem como no papel de duquesa, com uma certa facilidade, há algo que Meghan ainda não teve o privilégio de fazer: assumir o cargo de patrona de uma instituição. Apesar de o fazer, em conjunto com Harry, Kate e William, na Royal Foundation, falta ainda anunciar quais as organizações que escolherá de forma individual.

O motivo pelo qual tais escolhas não foram ainda anunciadas poderá estar ligado ao facto de a duquesa de Sussex não ter sido ainda capaz de decidir que causa gostaria de apoiar. Afinal de contas, três meses passaram desde o casamento e esta não tem tido tempo para se dedicar totalmente ao assunto, já que ainda se encontra em formação com a secretária particular da rainha Samanta Cohen, de modo a estar preparada para as funções de mulher do príncipe, e tem ainda marcado presença em diversos eventos.

Além disso, a veia humanitária de Meghan já era visível quando era atriz. Campanhas de Igualdade de Género ou ainda de promoção de Águas Limpas fizeram parte das suas prioridades, ainda antes de conhecer Harry. E isto poderá levar a uma certa dificuldade na escolha das instituições, já que parece ser solidária com diversas causas. E se analisarmos bem, Kate só anunciou quais as instituições das quais gostaria de ser patrona nove meses após casar com William, o que faz com que, em termos comparativos, Meghan esteja mais que a tempo.

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras