Nas Bancas

Kate não planeia ter mais filhos e William incentiva esta decisão

Já com uma visível barriga de grávida, a duquesa de Cambridge retomou esta semana os seus compromissos oficiais depois de umas longas férias na residência de campo do casal em Anmer Hall, no leste de Inglaterra.

CARAS
25 de janeiro de 2015, 16:00

Aos seis meses de gravidez, a duquesa de Cambridge terá decidido, por influência do marido, que terá apenas dois filhos. William, que sempre disse que gostaria de ter pelo menos três filhos, mudou de ideias depois de assistir ao sofrimento pelo qual passa a mulher durante os primeiros meses de gravidez, atingida pela hiperémese gravídica, caracterizada por vómitos severos. É esse o motivo para a decisão, que já terá sido comunicada à família de ambos, de acordo com fonte próxima do casal real citada pela imprensa britânica. A hiperémese gravídica, que afeta dois por centos das grávidas, torna a gravidez uma experiência traumática e William já terá dito que não quer ver a mulher “sofrer de novo”, por isso ambos concordaram que o bebé que nasce em abril será o único irmão que vão dar ao príncipe George, terceiro na linha de sucessão ao trono britânico.
Kate, que sofreu durante os primeiros meses de gestação desequilíbrios metabólicos que resultaram em desidratação e numa rápida perda de peso, retomou esta semana os seus compromissos oficiais depois de passar umas longas férias na residência de campo do casal em Anmer Hall, no leste de Inglaterra.
Tanto na visita que fez à escola primária The Barbly como na deslocação à instituição solidária The Fostering Network, a duquesa mostrou-se radiante, já sem os sinais de cansaço com que tinha sido fotografada em Londres no início da semana, numa ida às compras.
Para aqueles que foram os primeiros atos oficiais em 2015, a duquesa terá adaptado os seu cuidados de beleza à gravidez, prescindindo dos jatos de bronzeamento artificial e das nuances no cabelo, para evitar químicos, mas nem por isso descuidou o visual. Na véspera do seu regresso aos compromissos oficiais, Kate marcou hora num cabeleireiro que apenas usa tintas vegetais e deu um novo tom ao cabelo. Já preparada para ser vista em público e fotografada, a duquesa exibiu vestidos adequados à sua condição física, que esgotaram nas lojas em poucas horas. A prova de que o chamado “efeito Kate” continua a fazer-se sentir e de que a sua popularidade continua em alta. Popularidade que a casa real britânica espera que não seja afetada quando Kate partir de férias com os pais e os irmãos para Mustique, destino das tradicionais férias de inverno dos Middleton, durante as quais celebrarão o 60.º aniversário da mãe da duquesa.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras