Nas Bancas

Príncipe William quer 'sentir' presença da mãe no dia do seu casamento com Kate

Além de ter oferecido o anel de noivado de Diana a Kate, William fez questão de levar a noiva ao túmulo da mãe dias antes do casamento.

Joana Carreira
28 de abril de 2011, 18:31

Na homenagem que foi feita a Diana Spencer por ocasião do 10.º aniversário da sua morte, o príncipe Harry frisou, durante o sentido e emotivo discurso que proferiu na ocasião, que todos os dias ele e o irmão, o príncipe William, pensam na mãe.

Princesa Diana
Princesa Diana
Camera Press
"
O William e eu podemos dividir a nossa vida em duas partes: os anos em que fomos abençoados com a presença física da nossa mãe e do nosso pai, e os anos que se seguiram. Ela era a nossa guardiã, amiga e protetora. Perder uma mãe tão cedo e de forma tão repentina é indescritivelmente chocante e triste. Foi um acontecimento que mudou as nossas vidas para sempre. (...) Ambos pensamos nela todos os dias, falamos dela e rimo-nos das memórias que temos desses anos."
Foi desta forma que Harry tentou transmitir a ligação que sempre tiveram com a mãe, com quem estabeleceram laços tão fortes que dificilmente algum dia serão esquecidos.


A princesa Diana com William
A princesa Diana com William
Getty Images
Diana, que sofreu muito com a separação dos seus pais e com a ausência de amor no seu casamento com o príncipe
Carlos
, acabou por direcionar todos os seus afetos, a ternura, o amor, a atenção e os mimos para os seus dois filhos. Era ela quem tentava colmatar as rígidas regras protocolares e os deveres reais a que os filhos eram sujeitos com momentos de pura diversão e liberdade ao seu lado. Por isso, não admira que os príncipes guardem na memória as melhores recordações da mãe e queiram prestar-lhe tributo todos os dias, sobretudo naqueles que marcam novas fases nas suas vidas.


A princesa Diana com os filhos, William e Harry
A princesa Diana com os filhos, William e Harry
Getty Images
William de Gales já tinha demonstrado que iria fazer tudo para que a presença da mãe fosse sentida ao longo da sua vida. Fê-lo no dia em que anunciou publicamente o seu noivado com
Kate Middleton
, a quem ofereceu o anel de safira e diamantes de Diana - o único objeto que William pediu quando a mãe morreu, num acidente de carro, em 1997, tal como é recordado no livro
William & Kate, uma História de Amor Real
, editado pela Guerra & Paz e que faz parte da seleção do Clube do Livro SIC:
"O anel era uma recordação de um período da vida dos seus pais em que foram totalmente felizes."

A princesa Diana com os filhos, William e Harry
A princesa Diana com os filhos, William e Harry
Camera Press
Na entrevista que concedeu na altura, William explicou: "
O anel de noivado da minha mãe é muito especial para mim, assim como a Kate, e parecia certo juntá-los. Foi a minha maneira de garantir que a minha mãe estaria hoje presente e que fará parte da felicidade que será passarmos o resto das nossas vidas juntos."

A Abadia de Westminster
A Abadia de Westminster
Reuters
Agora, a dias de subir ao altar com Kate, um novo dado reforça esta vontade de William de prestar tributo à sua mãe: o príncipe levou Kate à pequena ilha de Althorp, onde foi construído o túmulo em que foram depositados os restos mortais de Diana. Apesar de esta informação não ter sido confirmada por Clarence House, por
"não comentarem assuntos do foro privado"
dos príncipes, consta que esta foi uma visita muito emotiva para William e Kate, durante a qual ambos quiseram partilhar pensamentos junto ao túmulo de Diana. Na ocasião, o príncipe terá certamente explicado que a trilha de 36 árvores aí plantadas simbolizam os anos de vida que a princesa tinha quando morreu, e terá eventualmente mostrado as flores preferidas da sua mãe: rosas brancas e lírios.


O conde Spencer, irmão de Diana, fará um discurso em que se referirá à Princesa do Povo a pedido de William
O conde Spencer, irmão de Diana, fará um discurso em que se referirá à Princesa do Povo a pedido de William
Getty Images
Apesar de ser difícil para qualquer noiva ser a sombra da sogra - sobretudo se esta foi idolatrada em todo o mundo, como é o caso de Diana - Kate tem demonstrado inteligência ao respeitar os sentimentos de William. Mas este já afirmou que não quer que a mãe e a noiva sejam constantemente alvo de comparações.
"Ninguém está a tentar substituir a minha mãe. O que ela fez foi fantástico. Cada um segue o seu próprio futuro e o seu próprio destino. A Kate fará um excelente trabalho",
disse William, depois de Kate ter feito um enorme elogio à mãe do noivo, que nunca chegou a conhecer:
"Adoraria tê-la conhecido. Ela é obviamente uma inspiração. É uma família incrível. Todos os que conheci têm grandes conquistas."

Uma imagem do interior da Abadia de Westminster
Uma imagem do interior da Abadia de Westminster
Reuters
Para o dia da cerimónia, William pediu ao tio materno, o conde
Spencer
, que discursasse de forma a evocar a mãe. Será mais uma forma de a ter 'presente'.


*Este texto foi escrito nos termos do novo acordo ortográfico.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras