Nas Bancas

Príncipe André de Inglaterra

Príncipe André de Inglaterra

Reuters

Príncipe André de Inglaterra envolvido em novo escândalo

O príncipe volta a estar na mira da imprensa devido à venda da sua antiga mansão a um poderoso empresário do Cazaquistão.

Joana Carreira
10 de setembro de 2010, 16:09

O nome do príncipe André de Inglaterra, enquanto representante especial do seu país na área do comércio e investimentos, voltou a ficar manchado devido às estreitas relações com o Cazaquistão. Passados quatro meses de Sarah Ferguson, ex-mulher do príncipe, ter sido apanhada em flagrante a aceitar dinheiro para fazer tráfico de influências e apresentar o príncipe André a um jornalista que se fez passar por um empresário, vem agora um poderoso empresário do Cazaquistão afirmar que a venda do antigo lar familiar de André de Inglaterra e Sarah Ferguson foi utilizado pelo comprador para uma operação de lavagem de dinheiro.

Timar Kulibayev, genro do presidente do Cazaquistão, adquiriu a propriedade do príncipe por 18,2 milhões de euros em 2007, supostamente a título pessoal, mas o seu compatriota e empresário exilado Mukhtar Ablyazov diz estar na posse de documentos que comprovam que a soma de dinheiro veio na realidade das receitas de uma semi-privatização de uma empresa de gás e petróleo do Cazaquistão. Por sua vez, a venda da residência a uma das pessoas mais influentes do país levantou muitas suspeitas, pois crê-se que o príncipe André de Inglaterra recebeu 3,6 milhões de euros sobre o preço de mercado da casa.

A imprensa britânica já especulou quais serão as verdadeiras motivações do 'negócio', mas ninguém se atreve a fazer comentários nem apontar o tráfico de influências como razão.

*Este texto foi escrito nos termos do novo acordo ortográfico.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras