Nas Bancas

Reis de Espanha assinalam os 175 anos da fundação da Guardia Civil

Felipe VI e Letizia presidiram às celebrações no Palácio Real.

CARAS
13 de maio de 2019, 17:38

Os reis de Espanha começaram a semana com a celebração dos 175 anos da fundação da Guardia Civil.

No Pátio de Armas do Palácio Real, o rei Felipe VI começou por passar revista às tropas, enquanto a rainha Letizia observava a celebração a partir da tribuna, tendo-se depois juntado ao rei para presidir ao desfile de todas as unidades terrestres e aéreas.

À chegada, os reis saudaram o primeiro-ministro, Pedro Sánchez, e a ministra da Defesa, Margarita Robles, assim como aos demais representantes de poder do Estado.

Este é já o segundo ato relacionado às forças de segurança espanholas a que os reis assistem em menos de um ano. No passado mês de setembro marcaram presença no 30º aniversário da incorporação das mulheres neste corpo de intervenção e a rainha reuniu-se com todas as pioneiras que, em 1988, fizeram parte da primeira geração de mulheres dentro da Guardia Civil.

O diretor geral, Félix Azón, destacou os tempos difíceis pelos quais a Guardia Civil passou desde o momento da sua formação e o esforço que tem sido feito para que chegue a todos os cantos de Espanha, reforçando a importância de garantir a segurança e proteção de todas as zonas rurais do país.

Nestas comemorações houve ainda lugar a um minuto de silêncio em memória do antigo ministro do Interior, Alfredo Pérez Rubalcaba, que morreu na passada sexta-feira.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras