Nas Bancas

Iñaki Urdangarín

Iñaki Urdangarín

GettyImages

Depoimento de Iñaki Urdangarín foi adiado

O juiz responsável pelo caso adiou o testemunho do duque de Palma, inicialmente previsto para 6 de janeiro, para o próximo dia 25 de fevereiro.

Redação CARAS
2 de janeiro de 2012, 12:51

A data do depoimento de Iñaki Urdangarín, prevista para o próximo dia 6 de fevereiro, foi adiada. O marido da infanta Cristina, formalmente acusado pelos alegados crimes de fraude, desvio de dinheiros públicos, prevaricação e evasão fiscal durante o tempo em que foi presidente do Instituto Nóos, só vai ser ouvido a 25 de fevereiro, segundo decisão do juiz José Castro.
O magistrado atendeu assim aos pedidos de adiamento apresentados na passada sexta-feira, que alegavam os dias previstos para os depoimentos do caso Palma Arena já estavam agendados outros compromissos judiciais.
Recorde-se que o duque de Palma foi notificado a comparecer em tribunal na semana passada e, depois de conhecer a decisão, o seu advogado, Mario Pascual Vives, defendeu a “absoluta inocência” do seu cliente e assegurou que agora terá a “oportunidade de começar a defender-se” das acusações.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras