Nas Bancas

Mathilde da Bélgica volta a dar cartas no mundo da moda em jantar de gala

Os reis Mathilde e Philippe da Bélgica receberam Emmanuel e Brigitte Macron numa cerimónia sofisticada.

CARAS
20 de novembro de 2018, 13:27

Após se ter destacado com um vestido vermelho Dior, Mathilde da Bélgica voltou a marcar pontos no que ao estilo diz respeito, ao lado de Brigitte Macron, que tornou a fazer uma escolha menos arrojada. Desta vez, num jantar de gala oferecido pelos reis da Bélgica, no palácio de Laeken.

Mathilde trocou a Dior pela Armani Privé, num vestido preto de decote em coração e ombros à mostra que lhe assentava que nem uma luva. Embora tenha optado por um tom seguro, o modelo da peça fez toda a diferença, bem como a tiara do Império Belga, de uso reservado apenas a rainhas, com que o complementou.

Por sua vez, Brigitte Macron deixou-se ficar por um modelo igualmente preto, comprido, assinado por Louis Vuitton, mas de corte direito, com duas faixas brilhantes, uma na zona do peito, outra na gola. As críticas quanto a esta escolha da mulher de Macron prenderam-se com o facto de ser uma opção demasiado simples, com uma certa falta de originalidade.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras