Nas Bancas

Família real da Holanda pede privacidade

A equipa médica que acompanha o príncipe Johan Friso disse hoje que este poderá nunca recuperar a consciência.

Redação CARAS
24 de fevereiro de 2012, 16:49

Em comunicado publicado no site oficial da Casa Real da Holanda, os serviços de informação doGoverno do país, pedem privacidade para a família do príncipe Johan Friso neste momento tão delicado.“Os familiares do príncipe Friso têm dechegar a um consenso relativamente à situação do príncipe e reorganizar as suasvidas de acordo com essa decisão. A família real pede que os meios decomunicação dêem o espaço necessário para que possam fazê-lo, respeitando a suaprivacidade”, pode ler-se no documento.
Recorde-se que Wolfgang Koller – directordo Centro de Trauma do hospital de Innsbruck, na Áustria, onde o filho darainha Beatriz se encontra internadodesde que ficou soterrado numa avalanche – disse esta sexta-feira, dia 24, queé possível que o príncipe nunca volte a recuperar a consciência. “Nãopodemos dizer com toda a certeza que o príncipe Friso recuperará um dia aconsciência”, afirmou. O médicoexplicou que os 15 minutos que Johan Friso esteve soterrado, mais os 45 minutosque as equipas de emergência médica levaram a reanimá-lo, causaram “severosdanos cerebrais”.
O acidente ocorreu na passada sexta-feira, 17 de fevereiro, quando opríncipe, de 43 anos, se encontrava a esquiar fora de pista na estância deesqui de Lech, na Áustria, onde a família real holandesa costuma passar férias.
A rainha Beatriz, a mulher de Friso, MabelWisse, e os irmãos Guilherme e Constantino estavam visivelmenteabalados quando chegaram ao hospital de Innsbruck esta manhã.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras