Nas Bancas

Princesa Máxima da Holanda e o pai, Jorge Zorreguieta

Princesa Máxima da Holanda e o pai, Jorge Zorreguieta

Getty Images

Pai da princesa Máxima da Holanda em tribunal

Jorge Zorreguieta, ex-ministro durante a ditadura argentina, é acusado pela família de um desaparecido.

Redação CARAS
8 de setembro de 2011, 18:12

Jorge Zorreguieta, pai da princesa Máxima da Holanda, foi processado pela família de um homem desaparecido. Ministro da Agricultura entre 1976 e 1981, durante a ditadura do general Videla na Argentina, Zorreguieta sempre negou qualquer envolvimento no desaparecimento de pessoas. Ainda assim, a família de Samuel Leonardo Slutzky, médico detido em 1977, avançou com um processo contra o pai da princesa pelo "seu papel na ditadura". "Ele deve estar ciente dos crimes, mas continua a colaborar politicamente com o regime. Nunca ordenou uma investigação", alega a família do desaparecido.
Para que o processo seja facilitado, o pai da princesa irá viajar para a Holanda. "A Holanda assinou o tratado internacional destinado a proteger os desaparecimentos forçados e é obrigada a intervir", explicou Liesbeth Zegveld, perita em Direito Internacional Humanitário.
 

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras