Nas Bancas

Japão anuncia que imperador Akihito vai abdicar

O governante de 83 anos prepara-se para ceder o trono ao seu filho, o príncipe herdeiro Naruhito.

CARAS
1 de dezembro de 2017, 15:57

O governo japonês e a casa imperial do Japão anunciaram hoje, através do primeiro-ministro, Shinzo Abe, que o imperador Akihito, de 83 anos, vai abdicar do trono. Esta é a primeira renúncia que acontece na história desse país e irá acontecer a 30 de abril de 2019, data em que se iniciará um novo ano fiscal e administrativo.

Após esta renúncia por parte do imperador Akihito, o trono será ocupado pelo seu filho, o príncipe herdeiro Naruhito, de 57 anos. Esta é um decisão muito desejada pelo monarca do Japão, uma vez que, já no ano passado, expressava tal vontade através da seguinte mensagem: "Tenho receio de que se torne difícil para mim assumir as minhas responsabilidades enquanto símbolo do Estado, tal como tenho feito até agora".

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras