Nas Bancas

GettyImages-853810876.jpg

Chris Jackson

Meghan Markle tem uma costela inglesa

A família da atriz será natural de Yorkshire, no Reino Unido.

CARAS
28 de outubro de 2017, 12:06

Meghan Markle pode ter nascido em Los Angeles, mas as suas raízes ligam-na a terras de Sua Majestade. Os documentaristas do Channel 4 investigaram a árvore genealógica da atriz para o especial de televisão When Harry Met Meghan: A Royal Romance e descobriram que a sua trisavó, Martha Sykes, é natural de Yorkshire.
Em 1869, Thomas e Mary Sykes emigraram com a filha Martha, na altura com um ano, em busca de uma vida melhor. A família fixou-se no estado da Pensilvânia, conhecido como o 'pais do carvão'. "Provavelmente, a família Sykes é de Yorkshire, uma região mineira, e o apelido é popular por lá", explica o historiador Andy Ulicny no documentário.
Thomas morreu de insuficiência cardíaca aos 43 anos, o que fez com que a sua viúva e cinco filhos tivessem de trabalhar - as meninas como empregadas domésticas e os rapazes como mineiros. Quase 150 anos depois, a sua descendente Meghan regressou ao Reino Unido para viver um romance mediático com um membro da Família Real britânica: o príncipe Harry. "O que aconteceu agora é uma fusão extraordinária de duas famílias. A do Harry tem dinheiro e poder e a da Megan teve de lutar", acrescentou Ulicny.
O pai de Markle, Thomas, foi o primeiro membro da família a sair do 'país do carvão' rumo a Hollywood, onde trabalha como diretor de iluminação. Por sua vez, Meghan foi catapultada para a fama com a personagem Rachel Zane na série Suits, que interpreta há seis anos.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras