Nas Bancas

Lorenz, Astrid, Fabiola, Paola, Albert, Philippe, Mathilde, Claire e Laurent da Bélgica

Lorenz, Astrid, Fabiola, Paola, Albert, Philippe, Mathilde, Claire e Laurent da Bélgica

Getty Images

As reformas das casas reais europeias - Bélgica

Os tempos mudam e a realeza vai-se adaptando. Conheça as alterações que as casas reais têm feito para responder às exigências de transparência, austeridade e modernização nos diferentes países da Europa.

Redação CARAS
31 de março de 2012, 17:00

Os tempos difíceis que se vivem um pouco por todo o lado têm feito com que as casas reais da Europa adotem uma postura de contenção económica. Além disso, são cada vez mais os países que exigem que a monarquia siga os princípios da transparência e que se modernize. Conheça algumas das medidas já tomadas pela realeza europeia.
Casa Real da Bélgica
Rei abdica de aumento
O rei Alberto anunciou no início do ano que abdicava do aumento no orçamento da Casa Real para 2012, e o mesmo deverá acontecer em 2013. Esta medida irá resultar numa poupança de cerca de 600 mil euros para o erário público belga. O aumento, que está previsto na lei, começou a causar polémica na Bélgica, que vive um período de crise económica, tal como acontece um pouco por todo o mundo.
No discurso que proferiu na altura do Natal, o rei afirmava: "todos temos de fazer sacrifícios para sairmos desta crise". E no início do ano decidiu dar o exemplo.
Venda de terrenos
O estado belga decidiu ainda vender algumas propriedades situadas na província de Oostende e que fazem parte da herança deixada pelo rei Leopoldo II. Os terrenos estão anexos a uma villa que a família real tem naquela província e a sua venda renderá cerca de cinco milhões de euros.
Além disso, o governo belga decidiu que, a partir de agora, o orçamento da família real terá de contemplar a manutenção dos seus edifícios e terrenos, tais como o Palácio de Bruxelas ou a residência dos príncipes.
Menor presença pública do rei
No ano passado o rei Alberto viajou para o estrangeiro durante menos tempo deixando essa tarefa para os seus filhos. A casa real considera esta diminuição lógica uma vez que o soberano já tem 77 anos.
Dúvidas sobre o papel do príncipe Laurent
Os vários escândalos em que se tem visto envolvido têm afastado o príncipe Laurent de atos oficiais. O filho mais novo dos reis Alberto e Paola, e a mulher, a princesa Claire, estiveram presentes em vários atos académicos em setembro do ano passado. No enatnto, um mês depois a família real belga estava toda reunida durante a inauguração do festival Europalia, à exceção do príncipe Laurent.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras