Nas Bancas

h264_thumb3_sec_24.png

Uma da estilistas favoritas de Kate nega ter afirmado que vestido de Meghan era um plágio

O que estava em causa eram as semelhanças entre o vestido da mulher de Harry e um dos modelos da designer.

CARAS
29 de maio de 2018, 14:19

O jornal Daily Mail avançou, dias depois do casamento real, que a estilista Emilia Wickstead, uma das favoritas da duquesa de Cambridge, teria 'apontado o dedo' ao vestido usado por Meghan para subir ao altar (um modelo com assinatura Clare Waight Keller, diretora artística da Givenchy). De acordo com o avançado pela publicação, a designer considerara que o modelo tinha muitas semelhanças com um dos que ela desenhou, o Helene que, à excepção de não ser cintado, apresenta um decote à barco e mangas a três-quartos.

Na sequência desta notícia, Emilia fez chegar um desmentido, através de um comunicado oficial publicado na sua conta do Instagram. "Estou muito triste com a noticia que apareceu na imprensa e online nos últimos dias. Sua Alteza Real, a Duquesa de Sussex estava linda no dia do casamento e tenho a maior admiração e respeito por ela".

No comunicado, a criadora afirma ainda que não fez qualquer acusação de plágio: "Não acho que o vestido de noiva fosse uma cópia de qualquer um dos nossos modelos. Tenho o maior respeito por Clare Waight Keller e pela House of Givenchy - uma enorme fonte de inspiração para mim. Desejo a Sua Alteza Real, o Duque e a Duquesa de Sussex uma vida maravilhosa, feliz e cheia de amor juntos. Emilia.”

Além da notícia do Daily Mail, a designer terá aparentemente feito comentários sobre o vestido de Meghan no Twitte dizendo: "alguém prenda aquele cabelo atrás - é um casamento de real por amor de Deus!”. Posteriormente, a conta em questão foi encerrada.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras