Nas Bancas

Sensibilidade à flor da pele

Se a natureza é a forma e os tons suaves a cor, o amor é o ingrediente principal desta nova coleção de Rosarinho Cruz. Composta por uma seleção de peças femininas, doces e subtis, com relevo, as suas criações transmitem a sensação de terem vida própria.

Redação CARAS
25 de janeiro de 2012, 17:03

Leves, lúdicas e encantadoras,todas as suas peças contam histórias e têm uma identidade própria, um nome,carregadas de uma paixão clara por aquilo que diz “não ser vício nem trabalho,mas sim pura necessidade”.
"Quando crio seja uma joia seja uma aguarela, deixo-me levar pelos pequenos gestos, pelas pequenas coisas que fazem a diferença: a cumplicidade de um olhar, as ideias partilhadas, as estações do ano, a natureza ou um estado de espírito."
O design é tãoirresistível como as próprias peças. Delicadas e luminosas, feitas de ouro,matéria nobre que privilegia, contrastam com pedras preciosas em tons suaves,sempre suaves. Repletas de motivos da natureza, permitem-nos recriar cenáriosprimaveris ao mesmo tempo que prometem invadir qualquer espaço de uma energiarenovada.
Uma coleção surpreendenteque convida à curiosidade do observador, despertando o olhar e o toque. Asensibilidade artística que carrega nas suas obras é algo indubitável, e sóassim se compreende que este seja um amor que a alimenta, como um tesouroprecioso ao qual dedica todo o tempo possível.

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras