Nas Bancas

Isabelle Caro

Isabelle Caro

Reuters

Mãe de Isabelle Caro, a modelo anorética que morreu em novembro, suicidou-se

A mãe da modelo anorética cujas fotos nua chocaram o mundo, sentia-se 'culpada' pela morte da filha.

Joana Carreira
20 de janeiro de 2011, 16:28

A mãe de Isabelle Caro, a modelo anorética cujas fotos nua chocaram o mundo que morreu em novembro do ano passado, suicidou-se. "Marie [mãe de Isabelle] sentia-se culpada porque a levou para o hospital. Ela não queria ir", explicou Christian Caro, padrasto de Isabelle, à imprensa. A família da modelo acusou o hospital de negligência médica, mas este já negou as acusações, afirmando que Isabelle Caro morreu devido a um quadro complicado de pneumonia.

A instabilidade emocional de Marie Caro terá começado em 2008, quando a filha lançou a sua autobiografia, intitulada, A Menina que Não Queria Engordar. No livro, Isabelle Caro conta a sua luta contra a anorexia e a forma como a infância problemática e uma mãe depressiva contribuíram para o agravamento da sua doença.

Recorde-se que a modelo, de 28 anos, chocou o mundo depois de ter aceite protagonizar uma campanha contra a anorexia, onde se deixou fotografar nua. "Essas fotos são o horror. Aceitei participar nesta campanha para alertar as jovens, mostrando-lhes os perigos das dietas, da ditadura da moda e dos flagelos da anorexia. O objetivo é chocar para sensibilizar", explicou a manequim na altura do lançamento da campanha.

*Este texto foi escrito nos termos do novo acordo ortográfico.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras