Nas Bancas

Helena Coelho: "Nunca tive uma grande preocupação com a opinião dos outros"

A CARAS acompanhou Helena Coelho numa ida às compras na zona do Chiado. Numa conversa informal, a apresentadora falou-nos dos sucessos alcançados em 2009 e do que espera deste novo ano.

Melissa Tavanez
7 de fevereiro de 2010, 18:36

O ano que passou foi muito especial na vida de Helena Coelho, de 28 anos. Para além de continuar a apostar na sua carreira como apresentadora, foi convidada para fazer a campanha publicitária de uma marca de lingerie, enchendo outdoors e confirmando-se como uma das mulheres portuguesas mais bonitas. Contudo, Helena não se deslumbra com os elogios nem se seduz com a possibilidade de se tornar um sex-symbol, como confessou à CARAS durante uma tarde de compras no Chiado: "Ser-me-ia completamente indiferente ser considerada um sex-symbol, não me agradaria nem me desagradaria. Nunca tive uma grande preocupação com a apreciação dos outros, a não ser que sejam as pessoas a quem o trabalho deve agradar. A lingerie corre o risco de ficar demasiado sexy e pode até melindrar algumas mulheres, mas não foi isso que aconteceu. Quando vejo um outdoor, consigo identificar-me com a imagem."

Helena Coelho
Helena Coelho
Luís Coelho
Apreciadora da simplicidade, Helena não se deixa influenciar por questões secundárias. O mais importante, para si, é saber bem quem é. E apesar de ainda ser muito jovem, a apresentadora parece ter a sabedoria de quem já viveu muitas histórias: "
Sou um tronco e as folhas caem e voltam a crescer. As folhas são as coisas exteriores, como o trabalho, a casa, as pessoas... As coisas mudam, mas nós não deixamos de ser quem somos, aquele tronco. Não tenho desapego às coisas temporárias, aceito é o tempo de cada uma e acompanho com naturalidade esse processo. Preciso de me sentir viva interiormente, plena com a minha identidade. E, para isso, gosto de ter os meus momentos a sós, como aquela meia-hora que demoro a chegar a casa, durante a qual oiço a minha música, penso e resolvo o que tenho a resolver. Vivo perto da serra da Arrábida e percebo que esse é o meu ritmo e não o de uma cidade."
Helena Coelho
Helena Coelho
Luís Coelho
Terá sido esta sua forma tranqui­la de encarar a vida que a ajudou a enfrentar o fim da relação com
Carlos Canto Moniz
. Sem revelar muito sobre a sua vida privada, Helena esclarece: "
Ainda não pensei se há espaço para um namorado... Estou numa fase muito boa da minha vida, não gosto de fazer planos. O ano que passou foi muito positivo. Sou uma pessoa de sorte: as coisas aparecem e depois assumo-as com responsabilidade e empenho. Se a minha vida ficar como está, é óptimo."

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras