Nas Bancas

Viagens: Antuérpia

Roteiro cosmopolita.

CARAS
9 de dezembro de 2017, 16:00

No norte da Bélgica e bem perto da Holanda, An­tuérpia tem vindo a ganhar espaço no roteiro turístico. Conhecida como capital dos diamantes (é um dos maiores centros de lapidação de diamantes do mundo) é cosmopolita e charmosa. Quem chega de comboio à Estação Central entra logo pela porta grande. Um terminal construído no final do século XIX, imponente e de uma beleza extraordinária. Geralmente, o passo seguinte é a Grote Markt, a praça onde está instalada a Câmara Municipal, que tem na fachada do edifício várias estátuas e bandeiras de diferentes países. Aqui há esplanadas para fazer uma paragem e contemplar não só a arquitetura como dar conta do movimento dos habitantes da cidade e também dos visitantes. Outros pontos de interesse estão traçados: a Catedral de Nossa Senhora, o castelo Het Steen e alguns museus. Destacamos o Museum aan de Stroom, que está numa das margens do rio Schelde e de onde a vista sobre a cidade é de cortar a respiração; o Museu de Belas Artes, cujas obras vão desde o séc. XIV ao séc. XX; e o MoMu, dedicado à moda.
Por fim, é quase impossível sair-se da Antuérpia, polo de moda do país, sem se fazer compras, até porque os preços são mais convidativos do que em Bruxelas ou Amesterdão. A Meir, uma das ruas principais da cidade, recheada de lojas de ambos os lados, tem montras que são um chamariz.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras