Nas Bancas

Herdade da Matinha: O luxo da calma

Unidade hoteleira situa-se no Alentejo.

CARAS
28 de maio de 2017, 17:00

Em plena Costa Alentejana, bem perto da pitoresca aldeia do Cercal, o turismo rural da Herdade da Matinha estende-se por 110 hectares de montado de sobro e pinhal e inclui duas casas de arquitetura típica da região, a de Cima e a de Baixo, que resultaram da transformação da antiga casa do lavrador dono da herdade, bem como da vacaria e do celeiro. Ao todo, possui 20 quartos – de tipologias e dimensões diferentes, entre eles uma suíte com um quarto de 30 metros quadrados e uma sala de 40 –, todos com uma decoração única e acolhedora que aposta no conforto leve e simples.
Para quem procura o luxo da calma em contacto com a natureza, experiências não faltam na Herdade da Matinha: desde passeios a pé ou a cavalo pelos campos à volta a uma aula ioga ou pilates. E, com a Rota Vicentina a escassos passos, os hóspedes podem, também, a pé ou de bicicleta, desfrutar da singular fauna e flora do Alentejo ou ir à descoberta das vilas de Porto Covo, Vila Nova de Milfontes, Zambujeira do Mar ou até, no caso dos mais experientes, da Carrapateira ou de Sagres.
Com uma imensa variedade de aves únicas, a região é também excelente para a prática do birdwatching e, graças à proximidade de magníficas praias como o Malhão e os Aivados – a cerca de 10 km –, a herdade é um destino privilegiado para os praticantes de surf, bodyboard e outros desportos aquáticos.
A gastronomia é um dos pontos fortes da Matinha, pois na sua cozinha aposta-se na utilização de de ingredientes locais frescos e de elevada qualidade – do magnífico pão alentejano ao tomate da horta e ao azeite da planície.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras