Nas Bancas

Alemanha: Colónia

História e modernidade à beira do Reno.

Pedro Amante
26 de agosto de 2012, 14:00

Localizada no coração da Europa, Colónia é muito mais do que uma das mais antigas cidades alemãs. É certo que a sua catedral, uma das poucas construções que sobreviveu aos bombardeamentos das tropas aliadas durante a 2.ª Guerra Mundial, continua a ser um dos seus ex libris, mas há muito mais para ver numa cidade que é hoje um importante centro económico, comercial e científico. A oferta de museus é muito variada, há lojas para todos os gostos e a vida noturna é animada. Não deixe de passear sem pressa pelas margens do Reno, aprecie as modernas construções, beba uma cerveja numa convidativa esplanada e contemple a vista de uma das muitas pontes que o atravessam, entre elas a ponte Hohenzollern, onde os casais apaixonados penduram cadeados e atiram a chave ao rio, como símbolo de amor eterno. Foi também aqui que surgiu, em 1709, a famosa água de colónia.

A NÃO ESQUECER:
Como chegar: A companhia ‘low cost’ Germanwings voa diariamente para Colónia a partir de Lisboa. Se preferir a TAP, terá de fazer escala.
Onde ficar: Há hotéis para todos os gostos e bolsas. No centro da cidade, o Marriot é uma excelente opção, situado a poucos metros da catedral e das margens do Reno. O Grand Hotel Kameha, na outra margem do rio, é uma das unidades mais modernas da cidade.
A não perder: A entrada na Catedral de Colónia é grátis e obrigatória. Não deixe de visitar os vários museus e mercados existentes na cidade.
Onde comer: Na cervejaria Gaffel podemos degustar a gastronomia mais tradicional da região.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras