Nas Bancas

Motores: Ao volante do Audi A6 Avant

Conduzir uma carrinha como a Audia A6 Avant 3.0 V6 TDI é sinónimo de requinte e conforto. É elegante para nos conduzir a uma festa, transportar a família nas férias ou para utilizar no dia-a-dia a caminho do emprego.

Luís Cáceres Monteriro
3 de setembro de 2013, 16:14

O Verão é a altura do ano por excelência escolhida por milhares de portugueses para viajar em família. Decidi partir rumo ao Norte para uma escapadinha de fim-de-semana na região de Amarante.
Ao volante de um Audi A6 Avant 3.0 V6 TDI 204 CV Multitronic tudo fica mais fácil. A vantagem de viajar num automóvel topo de gama é a forma descontraída como chegamos ao destino. Tenho por hábito respeitar algumas regras básicas antes de iniciar a viagem. Verifico o óleo, o líquido de refrigeração, a pressão dos pneus. Gosto de ser eu a colocar o cinto de segurança dos mais novos, confirmar que estão devidamente ajustados ao corpo, sem folgas. Costumo beber um café, comprar o jornal da manhã, ter água fresca a bordo.
Nesta época do ano conduzo quase sempre com o ar condicionado ligado. No caso da Audi A6 Avant 3.0 V6 TDI 204 CV Multitronic (o ar condicionado de 4 zonas é opcional e custa 785 euros). A perda de potência quando ligamos o ar condicionado não é particularmente sentida na A6 Avant. É também uma questão de segurança. Algumas pessoas não podem utilizar o ar condicionado por questões de saúde, eu confesso que quando sou obrigado a conduzir com muito calor e de janela aberta perco mais rapidamente a paciência. 
No caso da minha viagem até Amarante paguei 19. 85 euros de Lisboa até Grijó e depois mais 5 euros na A4 até Amarante. Desta vez optei por fazer a paragem a meio do caminho em Pombal, para petiscar qualquer coisa rápida. Um pastel de bacalhau, um panado com arroz de tomate, e lá estamos nós prontos para mais alguns quilómetros. Eu pessoalmente gosto sempre de fazer uma breve paragem a meio da viagem.
As portagens das autoestradas estão caras. A alternativa de viajar por estrada nacional, neste caso, não compensava pois teria de gastar mais gasóleo. É importante referir que os dados disponíveis referentes ao primeiro trimeste do ano confirmam o aumento da sinistralidade graves nas estradas nacionas e nos itinerários principais e complementares.
Em estrada a Audi A6 Avant revelou-se ágil e com um comportamento dinâmico muito eficaz. Tudo acontece de uma forma previsível. A leveza de construção da carroçaria com múltiplas peças em alumínio, o chassis S Line com jantes de 19 polegadas, a suspensão pneumática adaptável, os bancos dianteiros desportivos em couro e os sistemas de assistência á condução multimédia são, neste caso, fundamentais.
A sexta geração do Audi A6 Avant é mais um passo em frente da marca alemã. A joia da coroa é a versão munida do motor diesel Biturbo com 313 CV que atinge os 100 km/h em 5,3 segundos. No caso desta versão com o motor Avant 3.0 V6 TDI 204 CV a posição de condução é excelente. O asfalto é o habitat por excelência desta carrinha. A vantagem da suspensão pneumática adaptável permite manter um ritmo mais elevado, sempre que necessário, ou mais confortável quando seguimos em velocidade cruzeiro sem oscilações "exageradas" da carroçaria.
Pai, quando é que chegamos?

A verdade é que habitabilidade da Audi A6 Avant facilita a vida dos pais. Como sabemos, as crianças estão sempre a perguntar: "Pai, quando é que chegamos?". Os inúmeros compartimentos e possibilidades de arrumação permitem levar o leitor de MP3, o tablet, o DVD para ajudar os mais novos a aguentarem praticamente cinco horas de viagem. Sim, eu gosto de cumprir os limites de velocidade!
O encosto do banco traseiro pode ser assimetricamente rebatido na proporção 40:60 através do desbloqueamento do encosto na bagageira que apresenta um volume de 565 litros e, com o banco traseiro completamente rebatido, ascende aos 1.680 litros. A capacidade da mala da Avant é quase idêntica à da BMW Série 5 Touring, embora os seus 565 litros fiquem algo distantes dos 130 litros a mais da Mercedes Classe E.
Mobilidade em rede

Os serviços Audi connect disponibilizam funções de informação e entretenimento. As informações disponíveis online (tais como a navegação com procura de pontos de interesse, a navegação com imagens de satélite do Google Earth e do Google Maps Street View, a meteorologia, as notícias, as informações de trânsito são transmitidas diretamente ao veículo através do módulo UMTS integrado no telefone fixo Bluetooth online e do cartão SIM do cliente. O MMI de navegação plus com MMI touch é um opcional que custa 3.160 euros. 
O sistema de informação ao condutor incorpora um programa de eficiência com o objetivo de reduzir o consumo de combustível. O programa exibe dados referentes ao consumo, indicadores de estado relativos a fontes de consumo adicionais e sugestões para uma condução mais económica. Por exemplo, se conduzimos com a janela aberta surge uma informação a aconselhar que esta seja fechada. Consegui médias interessantes de 7 litros em velocidade cruzeiro. Quando decidimos pisar o acelerador os consumos do motor V6 com um generoso binário de 400 Nm às 1500 rpm podem subir até aos 12 litros. É uma questão de bom senso. Onde é que já ouvi isto?
O preço base do Audi A6 Avant 3.0 V6 TDI 204 CV Multitronic é de 62.360 euros. No caso da versão ensaiada temos de juntar mais 13. 695 euros de equipamento opcional. Não é para todas as bolsas, mas não tenham dúvidas que é uma bela máquina.

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras