Nas Bancas

Miguel Oliveira

Miguel Oliveira

Getty Images

Miguel Oliveira quarto em Moto3 no Grande Prémio da Alemanha

O piloto confessou que a 'má partida' impediu a luta pelo pódio.

Lusa
14 de julho de 2013, 15:10

O português Miguel Oliveira (Mahindra) terminou hoje na quarta posição a categoria Moto3 do Grande Prémio da Alemanha, oitava prova do Mundial de motociclismo, mantendo o sexto lugar do campeonato.

Depois de ter partido da terceira posição da grelha, o português perdeu alguns lugares nas primeiras voltas, mas conseguiu recuperar até ao quarto lugar, a 4,982 segundos do espanhol Alex Rins (KTM), que venceu a prova, seguido dos compatriotas Luis Salom (KTM) e Maverick Vinales (KTM).

Com este resultado, Miguel Oliveira, que repetiu o quarto lugar conseguido no grande prémio anterior, na Holanda, manteve-se na sexta posição do Mundial, com 69 pontos, a apenas um do quinto posto, ocupado pelo espanhol Alex Marquez, com Luis Salom a manter-se na liderança, com 172.
Miguel Oliveira diz que "má partida" impediu luta pelo pódio no GP da Alemanha
O português Miguel Oliveira (Mahindra) considerou hoje que uma "má partida" o impediu de lutar pelo pódio em Moto3 no Grande Prémio da Alemanha, terminando em quarto a oitava prova do Mundial de motociclismo.

"Fiz uma má partida e isso fez com que me atrasasse bastante. Quando consegui chegar ao grupo, os primeiros estavam já a uma distância difícil de alcançar, sobretudo porque rodávamos nos mesmos tempos", disse o luso, citado pela sua assessoria de imprensa.

Depois de ter partido da terceira posição da grelha, o português perdeu alguns lugares nas primeiras voltas, mas conseguiu recuperar até ao quarto lugar, a 4,982 segundos do espanhol Alex Rins (KTM), que venceu a prova, seguido dos compatriotas Luis Salom (KTM) e Maverick Vinales (KTM).
Marc Marquez vence GP da Alemanha e sobe à liderança do Mundial de motociclismo
Marc Marquez (Honda) venceu hoje o Grande Prémio da Alemanha, numa oitava prova do Mundial de motociclismo dominada pelos pilotos espanhóis e em que o português Miguel Oliveira foi quatro em Moto3.

Em MotoGp, categoria rainha, o espanhol Marquez venceu e subiu ao topo da classificação do Mundial, repetindo as vitórias dos compatriotas Jordi Torres (Suter) em Moto2 e de Alex Rins (KTM) em Moto3.

Aproveitando as ausências de Dani Pedrosa, antigo líder do Mundial, e de Jorge Lorenzo, campeão do Mundo, Marquez venceu a prova, em 1.22,635 horas, menos 1,559 segundos do que o britânico Cal Crutchlow (Yamaha) e menos 9,620 do que o italiano Valentino Rossi.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras