Nas Bancas

Motores: Ao volante do Mercedes SL 350

Um carro apaixonante que não deixa ninguém indiferente.

12 de setembro de 2012, 01:59

Seja-seou não apreciador dos modelos da Mercedes-Benz, é difícil ou quase impossívelficar indiferente a este SL 350. É, de facto, um carro inconfundível que fazdesviar olhares por onde quer que passemos e acreditem que conduzi-lo serevelou uma experiência verdadeiramente entusiasmante.

Esteticamente,esta nova geração do SL mantém a forma esguia e alongada, com grandes entradasde ar e faróis felinos com tecnologia LED, atributos que lhe conferem umafrente imponente e marcante. Esta nova geração do SL mantém o ADN da versãooriginal, lançada em 1954, mas apresenta um estilo muito mais desportivo erepresenta literalmente o significado da sigla SL, sporty lightweight, poisa nova carroçaria em alumínio representa menos 110 kg de peso em relação àgeração anterior e mostra melhores resultados em termos de robustez, segurançae conforto.

Natraseira, o que mais chama a atenção é a dupla saída de escape, mas são muitosmais os pormenores que o embelezam, principalmente se vier equipado com o Packdesportivo AMG, disponível por 6.422 euros, como é o caso da unidade ensaiada.
Se o exterior do SL impressiona, o mesmo acontece quando nos sentamos aovolante. Aqui tudo foi pensado ao pormenor para que os dois ocupantes se sintamo mais confortáveis possível. Os bancos em pele perfurada são amplos eapresentam as mais variadas regulações elétricas, o que lhes permitemadaptar-se corretamente ao corpo de qualquer pessoa. Viajar a bordo do SL,mesmo nas viagens mais longas, é um prazer, até porque o habitáculo é bastanteespaçoso, quase nos fazendo esquecer que estamos num carro de apenas doislugares. A posição de condução também não nos merece qualquer reparo.
Quantoao tablier, segue a linha do que é habitual na marca, com comandos práticos eintuitivos e materiais de qualidade irrepreensível. Os dois bancos sãoseparados por uma consola central que integra os comandos de abertura e fechoda capota e o seletor da excelente caixa automática de velocidades 7G- TronicPlus, que também pode ser comandada através do volante. Existem vários espaçospara arrumação de objetos, o que é bastante útil quando se tem uma bagageiracom capacidade para 339 litros.

Eainda antes de abrirmos a capota, convém destacar que este SL apresenta comoopção o teto Vario panorâmico  com MagicSky Control, que é um teto transparente que pode ser escurecido com o simplespremir de um botão. Esta opção oferece sombra e impede o aquecimento dointerior devido à incidência dos raios solares. Um extra que está disponívelpor 2.642 euros.
Eeis que chega o momento de abrirmos a capota e ver um coupé desportivotransformar-se num impressionante roadster descapotável. Uma operação quedemora menos de 20 segundos e pode ser acionada fora do carro através docontrolo remoto. No entanto, ao contrário de muitos cabrios disponíveis nomercado, a capota do SL só pode ser recolhida com o carro totalmente parado.

Acondução a céu aberto torna-se mais confortável com o defletor de vento elétricocolocado atrás dos bancos, disponível por 569 euros, e com o sistema AIRSCARF,ideal para os dias mais frios. Graças a este sistema, que consiste em doisdefletores no apoio da nuca, o ar quente envolve o pescoço e a cabeça.
Emtermos de dinâmica o SL 350 também não desilude. Equipado com um motor V6 agasolina com 306 cv de potência, permite-nos atingir uma velocidade máxima de250 Km/h e acelerar dos 0 aos 100 Km/h em apenas 5,9 segundos. Para ajudar naredução dos consumos, vem equipado com o sistema Start/Stop. A marca anuncia umconsumo combinado na ordem dos 7,5 l/100 Km, mas durante este ensaio ficámosmais perto dos 9,0 l/100 Km.
Comoseria de esperar, o SL vem equipado com vários sistemas de assistência esegurança, assim como com o sistema de multimédia e navegação Comand Online.
Quantoa preços, o Mercedes SL 350 está disponível desde 121.000 euros. A unidadeensaiada, com os extras mencionados e mais alguns custa qualquer coisa como 137.376euros. Valores proibitivos para a maioria do comum dos mortais, ainda para maisnos tempos que correm. Porém, vale a pena sonhar e, por enquanto, sonhar aindanão tem preço…

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras