Nas Bancas

Motores: Ao volante do Peugeot 5008

Uma boa opção para quem procura um carro espaçoso, confortável e com um excelente nível de equipamento. Acima de tudo, um automóvel pensado para a família.

5 de abril de 2012, 02:07

As propostas no universo dos monovolumes compactos são cada vez mais diversificadas e a Peugeot decidiu responder à concorrência dotando o seu 5008 com novas versões e ainda mais equipamento. Lançado no final de 2009, este modelo depressa se revelou uma excelente opção para quem procura um automóvel espaçoso e confortável mas não abdica de um estilo dinâmico e motores económicos e eficientes. É, sem dúvida, um carro a pensar na família e que convida a muitos quilómetros de estrada. A posição de condução elevada dá-nos uma ótima visibilidade, que combinada com a inclinação do volante dá a sensação de estarmos a conduzir uma berlina. Todos os comandos estão bastante acessíveis e perfeitamente integrados numa completa consola central, repleta de complementos tecnológicos, entre os quais, o sistema de navegação, o ar condicionado bi-zona com difusão traseira ou o auto-rádio WIP Sound MP3. Disponível como opcional está o Pack Vídeo, com dois ecrãs coloridos de 7 polegadas integrados nos encostos de cabeça dianteiros, reguláveis em inclinação e com capa protetora. Este pack vem também com um par de auscultadores Bluetooth® com bateria recarregável, consola de ligação com duas entradas RCA, que permite a ligação a um leitor de ficheiros vídeo, consolas de jogos ou leitor de DVD. Esta opção permite a visualização de programas distintos em cada um dos ecrãs e faz as delícias dos mais novos mesmo nas viagens mais longas e cansativas.
O Peugeot 5008 está disponível com cinco ou sete lugares e todos os bancos são individuais e fáceis de rebater. O espaço na segunda fila é bom, mas torna-se exíguo na terceira fila, principalmente quando os dois lugares são ocupados por adultos. Neste caso, a dimensão da bagageira também sai sacrificada, ficando reduzida a 194 litros.

Tal como acontece na maioria dos modelos da marca francesa, o 5008 está disponível em três níveis de equipamento: Access, Active e Allure. Testámos a versão mais equipada (Allure), que para além do equipamento já mencionado, ainda apresenta o sistema de ajuda ao estacionamento dianteiro com medição de espaço disponível, barras de teto cromadas, Pack Ambiance (iluminação interior com LED), banco do condutor com apoio lombar, cruise control, vidros traseiros escurecidos e Head-Up Display, entre muitas outras coisas.
Quanto a motores, podemos optar pelas unidades Diesel1.6 HDi e e-HDi com 112 cv de potência e 2.0 HDi com 163 cv de potência.

Conduzimos a versão 1.6 e-HDi Allure com a caixa de velocidades manual pilotada CMP6. Este motor vem com o sistema Start/Stop, acelera dos 0 aos 100 km/h em 13,2 segundos e atinge uma velocidade máxima na ordem dos 180 km/h. A marca anuncia consumos médios na ordem dos 5,0 l/100 km.

Este 5008 está disponível desde 32.160 euros.
 

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras