Nas Bancas

Rodrigues_MM_130112_Dakar_6799.jpg

D.R.

Hélder Rodrigues: "O Dakar é um sonho de criança"

Nazca, Peru, 13 de janeiro de 2012

Hélder Rodrigues
13 de janeiro de 2012, 18:49

Olá a todos os leitoresda CARAS.

Hoje chegámos a Nazca. Esta região do Peru é famosa pelos desenhosgravados no chão que só são possíveis de reconhecer quando vistos de avião.Estima-se que estas linhas tenham sido feitas há mais de dois mil anos eprevalecem até aos nossos dias, devido à mestria do Povo Nazca, sendoactualmente consideradas Património da Humanidade.

Estamos a entrar na rectafinal da corrida e, nesta altura do campeonato, os duelos são cada vez mais  cerrados e disputados ao segundo. Todos osmomentos são importantes para assegurar um lugar de pódio.

Neste rali, as nossascapacidades físicas são levadas ao limite. Ao longo de 15 dias percorremoscerca de nove mil quilómetros de percursos cheios de armadilhas. Quer sejaareia ou pedra, ninguém espera ter a tarefa facilitada em nenhuma etapa. Mas,afinal, isto é o Dakar é suposto ser difícil. A fadiga é nossa inimiga, masdesistir é uma palavra que não consta do vocabulário de ninguém e como se costumadizer, quem corre por gosto não cansa.

Para mim o Dakar é umsonho de criança e ter a oportunidade de participar nesta prova é, sem dúvida,um privilégio.
Um abraço
Hélder Rodrigues
Hélder Rodrigues terminou a etapa de hoje em 7.º lugar e continua na 3.ª posição da classificação geral.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras