Nas Bancas

CARAS Motores: Conheça a Renault Laguna Break 4 Control

Ao volante da carrinha Laguna Break com quatro rodas direcionais. Sem dúvida uma experiência de condução evoluída que contribuiu para uma maior segurança em estrada. GALERIA DE IMAGENS E VÍDEO

Luís Cáceres
11 de abril de 2011, 19:08

O Laguna é um modelo que está atualmente na sua fase mais adulta, o carro está muito refinado, os motores dCi continuam em grande forma, espaço não falta, e, a marca francesa continua a oferecer um equipamento de série muito completo. Já lá vai o tempo dos motores "explosivos". Agora tudo é racional e raramente temos o prazer de deitar para trás das costas as cotações da Fitch quando encontramos uma estrada sinuosa sem tráfego e chega a hora de pisar o acelerador.

O sistema 4Control deteta, em tempo real, as situações de perigo ou de fraca aderência (água, asfalto mais vidrado, gelo...) e aciona instantaneamente as quatro rodas direcionais, para auxiliar o condutor a manter o controlo do veículo. Alguns colegas jornalistas escreveram que inicialmente estranharam o comportamento do carro. Na minha opinião, as melhorias no comportamento dinâmico são notórias, isso é logo visível após os primeiros quilómetros. O sistema funciona que é uma maravilha e o Laguna revelou-se muito confortável e com uma agilidade acima da média.

O Renault Laguna Break azul que vê nas imagens é um bom companheiro na estrada. O ângulo de viragem das rodas traseiras varia em função da velocidade. A baixa velocidade (a menos de 60 km/h), as rodas traseiras viram no sentido oposto das rodas dianteiras, para uma maior agilidade. O raio de viragem reduzido, facilita igualmente as manobras em cidade. Os movimentos reduzidos do volante, favorecem a manobrabilidade nas estradas mais sinuosas. A velocidade elevada (a velocidades superiores a 60 km/h), as rodas traseiras viram no mesmo sentido das rodas dianteiras. Em curva o trem traseiro responde de imediato e o Laguna faz-nos sentir bastante seguros. Claro que não convém abusar!



O nível de equipamento Dynamique S é muito completo. Além do sistema de navegação Carminat de série, a Renault oferece travão de mão elétrico. Equipado com jantes de liga leve de grandes dimensões, o Laguna continua a apostar no fiável motor 2.0 DCI de 150 CV de potência (4000 rpm). A carrinha revelou-se muito bem insonorizada, nunca consegui baixar o consumo médio dos 6,7 litros para percorrer 100 quilómetros. O motor é ideal para "puxar" esta carrinha de uma tonelada e meia. A bagageira é ampla e tem uma capacidade de 508 litros. O Renault Laguna Break 4Control custa 39 8505 euros.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras