Nas Bancas

Ao volante da Mazda 6 SW

A carrinha Mazda 6 consegue aliar a sua vocação familiar a um comportamento desportivo 

Luís Cáceres
28 de dezembro de 2010, 18:15

O Mazda6 renovou-se esteticamente e ganhou uma alma mais desportiva. Este é um modelo de sucesso no mercado português, em particular a carrinha. Em equipa vencedora não se mexe e os japoneses da marca Zoom-Zoom optaram por renovar gradualmente e com inteligência este automóvel sem cortes drásticos no design. A verdade é que o 6 está mais atual e recebeu um motor 2.2 diesel ultramoderno que enche as medidas a qualquer chefe de família. As novidades do facelift mais recente são o aspeto mais desportivo das ópticas dianteiras e traseiras que incluem LED.

As principais rivais deste modelo são a Honda Accord Tourer e a Toyota Avensis. Nascidas no Japão, orgulham-se todas da pátria e revelam um comportamento dinâmico cheio de personalidade.


Ao volante da Mazda 6 SW

A relação preço/equipamento é uma das mais-valias deste carro. A versão de entrada da gama, a Comfort, vem já com Cruise Control, Ar Condicionado Dual Zone e jantes em liga leve de 16 polegadas.

A versão Exclusive do Mazda6 possui com o sistema Hill Launch Assist. Este sistema facilita o arranque em subidas através da aplicação dos travões mesmo após o condutor ter levantado o pé do pedal dos travões. Quando o motor estiver a produzir binário suficiente para o automóvel arrancar com suavidade, os travões são libertados e o automóvel inicia o movimento. Este sistema é particularmente eficaz no caso dos carros com travão elétrico.

Gostei bastante do comportamento dinâmico da carrinha. Confortável, a caixa de seis velocidades é uma maravilha e o equipamento de série completo. A qualidade dos materiais no interior melhorou, isso é notório no tablier e no volante. Existem alguns plásticos em zonas escondidas que a marca japonesa deve melhorar, na zona inferior dos bancos, na bagageira, de qualquer forma, não penalizam a qualidade geral e a aparência sofisticada deste modelo. A capacidade da bagageira é de 519 litros.


Ao volante da Mazda 6 SW

A suspensão é agora mais suave e o Mazda 6 SW está mais silencioso.

A agilidade é uma das virtudes desta carrinha que tem uma direção assistida muito precisa e curva de uma forma muito previsível. Esta estabilidade é possível graças ao sistema de suspensão de duplos braços horizontais na dianteira e um sistema multi-link na traseira aliados a uma configuração de direção melhorada.

Dois motores novos

O motor 2.2 diesel com 129 CV, 163 CV ou 180 CV é ultra moderno e possui um sistema com um turbocompressor compacto e injeção multiponto para oferecer mais aceleração, mais binário e rotações mais baixas.

O Mazda 6 de 180 CV debita 3.500 rpm e um binário máximo de 400 Nm entre as 1.800 e as 3.000 rpm. A versão que conduzimos oferece uma potência máxima de 163 CV às 3.500 rpm e um binário máximo de 360 Nm entre as 1.800 e as 3.000 rpm.


Ao volante da Mazda 6 SW

O modelo mais acessível debita uma potência máxima de 129 CV às 3.500 rpm e um binário máximo de 340 Nm entre as 1.800 e as 3.000 rpm. O bloco 2.2 está equipado com uma corrente de distribuição em vez da habitual correia de transmissão de borracha.

O interior é espaçoso e é possível transportar três adultos com conforto. Gosto muito dos manómetros azuis e encarnados que a marca japonesa aposta para os seus modelos. O ambiente de condução noturno é único e transporta-nos para o ambiente das grandes corridas do Oriente (que saudades do Grande Prémio de Macau).

Os modelos Exclusive, Sport e Sport Plus do Mazda6 vêm de série com Controlo Dinâmico da Estabilidade (DSC) e seis airbags de série. O sistema Emergency Stop Signalling (ESS), ajuda a evitar colisões na traseira. Se travar a fundo, este sistema ativa as luzes de sinalização de perigo com intermitência rápida para avisar o automóvel que vier atrás e coloca-as com intermitência normal quando o automóvel estiver quase parado.

Os faróis bi-xénon com um Sistema de Faróis Direcionáveis (AFS) melhorado são equipamento de série no modelo Sport e Sport Plus. Este sistema melhora a visibilidade nas curvas ao rodar os faróis até 15 graus na direção em que o novo Mazda6 estiver a virar.

De série nos modelos Sport e Sport Plus, o sistema Rear Vehicle Monitoring (RVM) ajuda a eliminar os ângulos mortos com dois sensores de radar e um sistema de alerta.

Os preços da carrinha variam entre os 28.627 euros da versão SW MZR 1.8 Comfort e os 43 190 euros do topo de gama SW MZR-CD 2.2 180 CV Sport Plus + Navi. Em Portugal a unidade MZR-CD 2.2 129 CV Exclusive é uma das mais vendidas e custa 34. 850 euros. A versão que conduzi era a SW MZR-CD 2.2 163 CV Sport que vale 39 549 euros. O Mazda 6 está à venda com versões de quatro portas, Station Wagon e cinco portas.

Ao volante da Mazda 6 SW

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras