Nas Bancas

Nunca foi tão fácil ter um romance de verão

De 3 a 19 de julho com a CARAS leve consigo romances que vão refrescar o seu Verão ao virar de cada página. Cada livro por apenas 4,90 €

Mkt CARAS
27 de junho de 2013, 13:23

Com a CARAS, a TV MAIS e a TELENOVELAS, romances que vão refrescar o seu verão. Cada livro por apenas 4,90 €.
Conheça cada um dos romances:
SEMANA 1:

3 de julho – CARAS e TV MAIS

5 de julho - Telenovelas
UMA AMERICANA EM PEQUIN

'Todas as pessoas se alimentamde formas e lugares inesperados... Um romance sobre comida, amor eautodescoberta.Depois de ver a sua carreira ruir e o namorado pedir ''umtempo'', Isabelle Lee toma a primeira decisão drástica da sua vida e troca omundo das revistas de moda de Manhattan pelo mundo das revistas generalistas dePequim. Um mundo consideravelmente mais limitado dado que o seu conhecimento demandarim é quase nulo. É que, apesar de ter ascendência chinesa, ela só conhecea linguagem falada na cozinha, pela mãe... Felizmente, a linguagem da comida ésuficiente para a iniciar na crítica gastronómica. Por entre o pato à Pequim ouo huoguo mongol, alguns choques culturais e outras tantas peripécias amorosas,Liz enfrenta os desafios de começar de novo do outro lado do mundo. Anos antes,também a sua irmã, Claire, trocou Manhattan por Pequim. É agora uma advogada desucesso com um ritmo de vida tão alucinante quanto o da própria cidade. Asirmãs nunca tiveram uma relação de cumplicidade. Na verdade, mal se conhecem. Amilhares de quilómetros de casa e mais solitária do que nunca, Isabelle começaa interrogar-se se a frenética e vibrante cidade do futuro não será um lugardemasiado estranho para si... '

UMA TERRA DISTANTE

Isabel nasceu com o dom e amaldição de «ver para além». É uma menina tímida e sensível que aprendeu adistinguir os sons, cores e ritmos da terra árida onde vive com os pais e oirmão Isaías, que adora. A ligação entre ambos é tão intensa que ela é capaz deo encontrar mesmo quando ele se esconde entre os pés de cana-de-açúcar de umaplantação a perder de vista. Na verdade, Isabel vive num mundo protegido erepleto de amor, ainda que pobre e remoto. Mas a seca e a fome devastam aquelaregião já tão sacrificada, e Isaías decide que está na altura de construir umnovo futuro para si próprio na cidade. Algum tempo depois, também Isabel éobrigada a abandonar o único lar que alguma vez conheceu. Apenas a ideia de sejuntar ao irmão a consola. Mas Isaías parece ter desaparecido sem deixar rasto.Na cidade, Isabel sente-se acossada por sinais que já não consegue identificar.Na busca desesperada por Isaías, a jovem move-se num mundo desconhecido,povoado de ameaças imprevisíveis. Não sabe como agir. Não sabe como reagir àviolência. Pela primeira vez na sua vida, Isabel está entregue a si própria. Odeslumbramento de Isabel face ao desconhecido, a sua inadequação a umasociedade regida por regras que lhe parecem absurdas, a sua forma engenhosa dearranjar soluções - tudo neste romance comove e fascina. A história da jornadade Isabel é um relato universal sobre os laços familiares e o amor entreirmãos, sobre destino e saudade, sobrevivência e verdadeiro heroísmo.«Espantoso... Daniel Mason pode bem vir a ser o próximo grande romancista donosso tempo.» The Boston Globe.

ANO DA SECA

Prefácio de José Saramago. A vozmais singular da recente literatura espanhola. «O Ano da Seca» decorre na IlhaMenor - retrato da ilha canária de El Hierro -, onde uma seca desesperantegreta quer a geografia insular, quer as almas dos seus habitantes: enquanto osvulcões ardem, explodem os sentimentos feridos de personagens debruçadas sobreo abismo das paixões, sobre o segredo profundo dos seus corações exauridos atéao limite. Romance coral onde cruzam os seus destinos dois amantes demasiadojovens, um visionário que escreve nas paredes, um cão apaixonado até ao tutano,e mesmo a presença fantasmagórica de um bebé morto que ameaça todos oshabitantes da ilha... Com uma força expressiva verdadeiramente surpreendente,Víctor Álamo de la Rosa afirma-se como um dos narradores mais singulares darecente literatura espanhola. O inusitado desenvolvimento metafórico e aperícia linguística deste romance salpicam o leitor, inundando-o de sensações.Experiência no limite, leitura inesquecível.

FEITIÇO DA LUA

Emily Benedict vai para Mullaby,na Carolina do Norte, na esperança de resolver pelo menos alguns dos mistériosque rodeiam a vida da mãe. Porém, assim que Emily entra na casa onde a mãecresceu e trava conhecimento com o avô, cuja existência sempre desconhecer,descobre que os mistérios em Mullaby, são um modo de vida.
SEMANA 2:

10 de julho – CARAS e TV MAIS

12 de julho -Telenovelas
AGRIDOCE:

Finalista do Orange BroadbandAward for New Writers 2007 Do Bangladesh a Londres, dos anos 50 aos dias dehoje, três gerações de uma família são ensombradas pelos segredos de um passadoque teima em não ficar para trás. Shona Karim está apaixonada. Ela tem apenas10 anos mas sabe de imediato que encontrou o homem dos seus sonhos quando vêParvez pela primeira vez. Shona é uma romântica inveterada, tal como o pai,cuja generosidade o tornou no alvo da pior das traições. Anos mais tarde,mentindo a si próprios e às suas famílias, Shona e Parvez fogem para começaruma nova vida. Mas a herança de Shona é feita de duplicidades e de enganoscúmplices. À medida que o tempo passa, também ela teme que os seus pioressegredos sejam expostos. Poderá o amor ser suficientemente forte para emendaros erros do passado?

MALICHE

O trágico e apaixonante romanceentre Hernán Cortés e a índia Malinalli (a sua intérprete durante a conquistado império asteca), num livro que nos desvenda o mito fundador da culturahíbrida do Novo Mundo e nos conta uma extraordinária história de amor. Quando aíndia Malinalli conhece Cortés, assume que se trata do próprio DeusQuetzalcóalt, que regressa para libertar o seu povo. Os dois apaixonam-seloucamente, mas esse amor será destruído pela desmedida sede de conquista,poder e riqueza de Cortés, um dos mais importantes conquistadoresespanhóis.Audaz e engenhoso numa época de grandes heróis, Cortés foi o únicoque chegou a conhecer a fundo os indígenas americanos. O grande valorestratégico de Malinalli, sua tradutora e intérprete, converteu-a numa personagem-chavena colonização da América e nas relações entre a coroa espanhola e osdiferentes povos indígenas.A história do México acabaria por reservar aMalinalli outro papel, o de traidora do seu próprio povo, mas as investigaçõeshistóricas recentes mostram que foi sim a mediadora entre duas culturas, ahispânica e a nativa americana, e entre duas línguas, o espanhol e o náhuatl.Com a queda do império asteca como pano de fundo, Laura Esquivel desafia amitologia tradicional através do retrato apaixonado do Adão e da Eva da culturamestiça: Cortés e Malinalli.

 

MANHÃS GLORIOSAS

Notícia de última hora: Aambiciosa produtora televisiva Becky Fuller é despedida de um programa matinalde Nova Jérsia e a sua carreira começa a parecer tão deprimente como a sua vidaamorosa.

O COLAR

Uma história real que apaixonoua América Jonell apaixonou-se por um colar de diamantes. Mas o preço erademasiado alto. Até que teve uma ideia que iria mudar a sua vida. E porque nãocomprá-lo com a ajuda de amigas? Porque não partilhá-lo? Foi o início daaventura, de uma história real que apaixonou a América. Treze mulheres, dasmais diferentes idades e profissões, uniram-se em torno de uma jóia. Desdeentão vivem em contacto umas com as outras, saem juntas, ajudam-se. E de 28 em 28dias, no mês do aniversário de cada uma delas, encontram-se. Passam O Colar,conversam, partilham receitas, histórias de vida, amores e traições. Têm umanova razão para sair de casa, têm um novo grupo de amigas. E descobriram que aamizade e a partilha valem muito mais do que qualquer diamante.
SEMANA 3:

17 de julho – CARAS e TV MAIS

19 de julho - Telenovelas
BRANCA COMO A NEVE VERMELHACOMO O SANGUE

Para Leo, tudo no mundo tem umacor. Beatrice é um mistério escrito em tons de vermelho, uma estrelaincandescente, que arde a anos-luz de distância. Leo vê-a sempre ao longe, unsolhos verdes que passam, longos cabelos ruivos. Quer alcançá-la, mas não sabecomo. E o seu mundo perde a cor, tinge-se de negro, veste-se de branco. ParaLeo, o branco é vazio, silêncio, solidão. Também branca é a escola, para ondese arrasta todos os dias na esperança de a ver. Um dia, porém, descobre uma corinesperada. Não nos amigos - que são azuis, como todos os amigos verdadeiros -mas na voz vibrante e apaixonada de um novo professor. Leo dá-lhe um nome, OSonhador. E ouve-o falar de grandes homens, de feitos heróicos, conquistasimpossíveis. Leo parte à conquista do seu sonho, da sua Beatrice. E lança-se àaventura, sem saber que o amor tem todas as cores do mundo. Sem imaginar queBeatrice afinal esconde um segredo, frio e branco como a neve, vermelho comosangue

DOCES RECORDAÇÕES

Durante vinte anos, Ellen Greenefoi tomando nota de tudo o que de mais carinhoso, divertido e comovente o seumarido, Marsh, dizia e fazia. Registava esses momentos felizes em segredo e,depois, partilhava-os com ele em cada São Valentim. Nessas ocasiões,oferecia-lhe um postal com excertos retirados da sua lista de «DocesRecordações». Tendo-se casado e divorciado quando era muito jovem, Ellen criousozinha os seus dois filhos. Depois de mais uma relação fracassada aos trinta epoucos anos, jurou que não voltaria a relacionar-se com quem não lhe desse odevido valor. E foi então que conheceu Marsh Greene, o homem que lhe devolveu afelicidade. Nesta sentida homenagem a um homem e a um casamento feliz, Greeneintercala excertos da sua lista de «Doces Recordações» com lembranças dos anosque viveu com Marsh. Escrito com ternura e sinceridade, Doces Recordaçõestransmite a gentileza, o sentimento de partilha, o humor, o afecto e o profundoamor que caracterizaram o casal Greene e leva-nos a valorizar o que há de bomna vida, mesmo nas mais pequenas coisas.

 

O CLUBE DE TRICÔ DE SEXTA ÀNOITE

Numa cidade tão grande emovimentada como Nova Iorque, é muito fácil perdermo-nos na multidão. Habituadaa contar apenas consigo própria, Georgia tem um dia-a-dia esgotante em quetenta conciliar as exigências da sua loja com a educação da filha, Dakota. Emtempos não muito distantes, Georgia era uma jovem apaixonada e decidida aperseguir os seus sonhos, pelo menos até ao dia em que James - o grande amor dasua vida - soube que estava grávida e lhe despedaçou o coração ao fugir paraParis. Nesse dia, Georgia conheceu a solidão e decidiu traçar o seu caminho sozinha.Mas James tem outros planos.

OLIVE KITTERIDGE

Delicado, matizado, inteligentee extremamente comovedor, Elizabeth Strout dá a conhecer, através de uma vozpoderosa e compassiva, uma personagem única e inesquecível, Olive Kitteridge,que nos oferece uma perspectiva profunda da condição humana, com os seusconflitos, as suas tragédias e alegrias, e a resutência por ela exigida.

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras