Nas Bancas

4 Caranguejo.jpg

DR

Previsões 2017 - Amor: Caranguejo

Aprecia os momentos passados em intimidade e precisa de sentir-se necessário àqueles que ama. É tão sensível que pressente quando estes estão a sofrer, mesmo que eles não profiram uma única palavra.

Paulo Cardoso
1 de janeiro de 2017, 18:51

Janeiro:
Este mês a sua sensibilidade estará desperta para novos encontros, através dos quais poderá vir a ter uma consciência mais ampla da vida. É uma boa altura para visitar exposições, ir a concertos, ao teatro ou conhecer novas filosofias de vida. Deixe-se levar pela aventura e beleza do desconhecido.
Fevereiro:
A sensibilidade e equilíbrio juntamente com um grande desejo de perfeição beneficiarão a sua vida profissional. Terá bastante capacidade para trabalhar harmoniosamente com os outros, com um espírito liberto de opressões e daí até poderão vir a desenvolver-se contactos de ordem afetiva, inclusive com um superior.
Março:
Associe equilíbrio e sensibilidade ao mundo do trabalho. Está a atravessar uma fase na qual inclusivamente é possível que surja um envolvimento amoroso através da sua carreira. Os conselhos de pessoas mais experientes podem ser de grande utilidade nesta altura.
Abril:
Poderá encontrar alguém que lhe proporcione novas descobertas e que toque no seu íntimo, trazendo-lhe paz e tranquilidade. Caso tenha possibilidade de o fazer, esta é uma ótima altura para tirar férias. É também uma boa altura para visitar uma exposição ou um museu, para assistir a um espetáculo ou para conhecer locais que há muito desejava visitar.
Maio:
Vénus oferece-lhe a possibilidade de mostrar aos outros as suas verdadeiras capacidades profissionais e sociais. Usará a sua diplomacia e poderá desenvolver contactos de carácter afetivo. Poderá contar com a ajuda de pessoas mais velhas e experientes no seu trabalho e é natural que se inicie uma relação afetiva, que lhe será proveitosa.
Junho:
Tenha a coragem de se desfazer ou de mandar para a arrecadação parte dos objetos que não lhe fazem falta. Essa limpeza poderá facilitar uma maior organização na sua casa. As recordações, por vezes, prendem e não dão espaço nem liberdade para agarrar com as duas mãos aquilo que o futuro lhe pode trazer.
Julho:
Este período vai sentir uma grande necessidade de ajudar os outros ou até de se envolver em causas humanitárias. Poderá também oferecer-se para tratar de algum familiar doente pelo simples prazer de poder ser útil e ajudar. O seu espírito humanitário poderá induzi-lo em algumas decisões precipitadas, o que deverá evitar.
Agosto:
Está agora numa fase em que quer agradar e sente-se um pouco mais preocupado com aquilo que as pessoas pensam de si. Esta é uma boa altura para conviver com amigos, para se distrair e para se descontrair quebrando a rotina das tarefas habituais.
Setembro:
Durante este mês valorizará mais as coisas e os objetos que o rodeiam. É boa altura para fazer investimentos que serão vantajosos para si, poderá combinar esta posição favorável com uma relação que será traduzida em realização pessoal. Depois de dia 18 vai-se sentir com calma e com uma atmosfera mais ligeira de que nas semanas anteriores.
Outubro:
Nesta fase está capaz de tornar mais harmonioso, agradável e leve o ambiente da sua vida quotidiana. Poderá conhecer alguém numa viagem, através de um meio de comunicação ou de um curso. Poderá ter certa tendência para se dispersar. Na segunda quinzena do mês será provável que lhe apeteça ficar por casa, dando mais valor à intimidade.
Novembro:
Este mês vai sentir-se feliz e bem-disposto. Está mais romântico, afetivo e sente necessidade de expressar os seus sentimentos. Esta sua forma de estar poderá facilitar o surgimento de um novo amor ou tornar mais profunda uma relação já existente. O seu poder criativo vai estar em evidência.
Dezembro:
Cuide do seu corpo e da sua saúde. Por outro lado, estará a associar com mais facilidade as relações humanas e os métodos de trabalho e eficiência profissional. Depois de dia 25 há um maior desejo de intimidade.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras