Nas Bancas

lc-aniv sic 7.jpg

Luís Coelho

A escolha de... José Figueiras

Começou por apresentar a meteorologia na SIC e é no canal de Carnaxide que tem traçado o seu percurso profissional.

CARAS
27 de setembro de 2015, 18:00

Foi em 1992 que entrou para a SIC. José Figueiras, 48 anos, apareceu nos ecrãs como apresentador da meteorologia. Fez o Muita Lôco e uns anos depois apresentou o Ai os Homens. Recentemente, pudemos vê-lo, durante as férias de João Baião, a conduzir, ao lado de Andreia Rodrigues, o programa Grande Tarde. Mas é o Alô Portugal, programa da SIC Internacional, que preenche o seu dia-a-dia profissional. Este projeto permitiu ao apresentador tornar-se um ‘embaixador’ junto da comunidade portuguesa espalhada pelo mundo, por quem se sente muito acarinhado. Da sua vida afetiva neste momento pouco se sabe. Apenas que viveu um casamento de 20 anos (que terminou há três) com Eva Mandl, do qual nasceram Stephanie, agora com 21 anos, e Christopher, de 19.
O livro: “A Sombra do Vento”
Do escritor espanhol Carlos Ruiz Zafón, é o meu livro de verão para ler na praia. Envolvido em mistério e ironia.
O filme: “A Gaiola Dourada”
Mostra o lado divertido e característico dos nossos emigrantes. Ser português com muito sentido de humor. De Ruben Alves, conta com Rita Blanco e Joaquim de Almeida no elenco.
O restaurante: Lobo do Mar
É onde como o melhor peixe do mundo. De uma família de pescadores com um dom especial para grelhados. Fica em Sesimbra. Tel.: 212235233.
A viagem: Moçambique
Voltei recentemente, 30 anos depois. Foi um despertar de emoções.
O fim de semana: Alentejo ou Douro
Quando penso em passar uns dias fora, escolho por norma o Alentejo. Alqueva está na minha lista de preferências. Também gosto do Douro, sobretudo se for em setembro, durante as vindimas.
O hotel: Ecorkhotel
O Ecorkhotel, Évora Suites & SPA é um hotel com um conceito ecológico que me agrada bastante. O design é moderno, o jardim é muito acolhedor. Fica na Quinta da Deserta e Malina, em Évora.
Tel.: 266738500.
O festival: Meo Sudoeste
Na Zambujeira do Mar. Vou não só pelos concertos como pela localização. Sempre que posso, acompanho os meus filhos na ida aos concertos e desfruto do local.
A banda: Mi Casa
É uma banda sul-africana, com sucesso mundial, cujo vocalista, J’Something (nome artístico de João Fonseca) é portu­guês, o qual tive o prazer de entrevistar.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras