Nas Bancas

Mitó Mendes

Mitó Mendes

D.R.

A escolha de... Mitó Mendes

É a vocalista d’A Naifa, um dos grupos mais originais da música portuguesa, que integra ainda Luís Varatojo, Sandra Baptista e Samuel Palitos.

Redação CARAS
19 de agosto de 2012, 18:00

Vocalista d’A Naifa há oito anos, Maria Antónia Mendes, ou Mitó, como é conhecida entre os amigos e até profissionalmente, nasceu em Lisboa e desde cedo percebeu que a música faria parte da sua vida. Embora tenha sido ao lado de João Aguardela, que morreu em 2009, e Luís Varatojo que se tornou conhecida para o grande público, aquando da formação d’A Naifa, Mitó teve anteriormente projetos a solo. Com formação em música e teatro, dedica-se atualmente a A Naifa, que conta já com quatro álbuns editados:  Canções Subterrâneas, 3 Minutos antes de a Maré Encher, Uma Inocente Inclinação para o Mal e Não se Deitam comigo Corações Obedientes (de 2012, é o primeiro depois da morte de Aguardela). Em digressão com o último trabalho, A Naifa atua a 16 de agosto no Festival Bons Sons e dia 31 no Festival do Crato.
O Livro - “Livro do Caminho e do Bom Caminhar”, Tao Te King
Este livro é tipo bíblia, bom para ter à cabeceira e ler todos os dias. É o que preciso para viver. O Tao Te King preconiza uma maneira de agir que se ajusta perfeitamente ao mundo. Corresponde a deixar tudo fluir por si, sem ir contra o que é natural.
O Filme - "Melancholia”, de Lars von Trier

Gosto muito de cinema e é difícil eleger um filme. Mas, por razões pessoais e por ser o mais atual dos que me marcaram, escolho o Melancholia, uma produção maioritariamente dinamarquesa, dirigida por Lars von Trier.
O CD - "Pano Cru”, de Sérgio Godinho

De uma ponta à outra, este disco retrata a atualidade, mas tem a particularidade de ter sido gravado há mais de 30 anos.
O Museu - O Bairro de Alfama

É um museu ao ar livre que merece ser visitado todos os dias, todo o ano. É só calçar uns sapatos confortáveis e caminhar ao longo do maior museu vivo português. E é grátis.
A Viagem - Lisboa

Apanhar o barco para Cacilhas, caminhar até ao Cais do Ginjal e comer a ver o sol desaparecer em Lisboa. Quem estiver a pensar que o programa é foleiro, nem sabe o que perde!
O Restaurante - Bela Vinho e Petiscos

Qualquer um com um bom prego, sal grosso e alho, e uma imperial fresquinha. Por exemplo, o Bela Vinhos e Petiscos, em Alfama. É só chegar e dizer que são amigos da Mitó e comer todos os petiscos portugueses que a casa tem. Há bom fado às quartas-feiras e aos domingos.
O Concerto - Lhasa de Sela

O concerto que vi no Fórum Lisboa, em 2004, foi especial, talvez por ter sido, infelizmente, o único que vi dela. [Lhasa de Sela morreu em janeiro de 2010, vítima de cancro, com 37 anos.]

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras