Nas Bancas

 Joana Lemos

Joana Lemos

D.R.

A escolha de... Joana Lemos

Primeira mulher piloto profissional de mota em Portugal, conquistou um lugar de destaque nos desportos motorizados. A viver em Londres, dedica-se a cem por cento à família.

Cristiana Rodrigues
3 de junho de 2012, 18:00

Brincar com bonecas nunca foi o seu forte. Joana Lemos, hoje com 40 anos, preferia dar pontapés na bola e andar de mota. Tanto que acabou por deixar de lado o sonho de se tornar jornalista por se ter apaixonado pelo desporto motorizado. Tornou-se a primeira mulher piloto profissional de mota em Portugal e a primeira a competir em mota na Taça do Mundo de todo-o-terreno. Mais tarde, trocou as duas rodas pelos jipes. Quando deixou de correr não se afastou desse mundo. Geriu as carreiras de Carlos Sousa, Hélder Rodrigues e Rúben Faria, foi mentora da vinda do Rally Dakar para Portugal e fez reportagens para vários órgãos de comunicação. Vive em Londres há quase dois anos, onde o marido, Manuel Reymão Nogueira, trabalha como responsável pelos mercados emergentes no Espírito Santo Investment Bank/Execution Noble. A par da dedicação aos filhos – Tomás, de 13 anos, e Martim, de 11 –, ainda tirou um MBA com especialidade em empreendedorismo.
O LIVRO - "Nudge"
De Richard H. Thalerat, é um livro muito prático pela abordagem que faz da forma como lidamos com o dia-a-dia. Faz-nos ver as diferentes perspetivas e dá-nos dicas úteis.
O FILME -"Encontro de Irmãos"
Gosto de imensos filmes e foram muitos os que me marcaram. Vou sugerir Encontro de Irmãos, com Tom Cruise e Dustin Hoffman, por ter visto recentemente.
O ESPETÁCULO -"The Lion King"
Um espetáculo musical muito bem conce­bido que vi em Londres.
A MÚSICA - Paulo Gonzo, Carminho e Luís Represas
Felizmente, temos ótimos músicos portu­gueses e destaco estes três. Também sou fã de U2, Coldplay, Emeli Sandé e Beyoncé.
O HOTEL - Hotel Villa Magna Madrid
Um hotel extraordinário onde o enorme empreendedorismo português está bem patente. Impera o bom gosto que, aliado à comodidade, faz deste um dos hotéis mais simpáticos que conheço. Fica em Madrid, no Paseo de la Castellana, 22.
A VIAGEM - Portugal
Todas as que fiz deixaram boas recor­dações e por terem sido tão diferentes umas das outras é-me difícil destacar uma... Como estou neste momento a viver em Londres, é sempre muito bom visitar o meu país, que adoro!
O RESTAURANTE - Duk
Aprecio um bom restaurante. Em Lisboa sugiro o Duk. Bruschettas, empanadas, focaccias, pizas, risotos, massas frescas, hambúrgueres e bifes fazem parte da ementa. Fica na Rua Duque de Palmela, 20. Em Londres, destaco o Cipriani e o Zuma. Quando vou a Paris, gosto de ir ao L’Ami Louis, e em Nova Iorque sugiro Le Bilboquet.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras