Nas Bancas

0.jpg

DR

Mostra das obras em reserva do Museu de Arte Antiga prolongada até 23 de outubro

'Obras em reserva: O museu que não se vê'

Lusa
8 de outubro de 2016, 12:37

A exposição Obras em reserva. O museu que não se vê, no Museu Nacional de Arte Antiga (MNAA), vista por 80 mil pessoas, vai ser prolongada até 23 de outubro, revelou hoje fonte da entidade à agência Lusa.
De acordo com fonte do MNAA, em Lisboa, a exposição, inaugurada a 18 de maio, já tinha adiado o encerramento uma vez para 9 de outubro, o próximo domingo, mas "devido a muitos pedidos do público", vai continuar aberta até 23 de outubro.
A mostra reúne 314 peças de pintura, iluminura, escultura, desenho, gravura, cerâmica, livros, têxteis, vidros, ourivesaria, artes decorativas, mobiliário, entre outras, que, pelos constrangimentos físicos do edifício onde está instalado o museu, não fazem parte da exposição permanente.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras