Nas Bancas

CARAS Motores: Peugeot apresenta o 'concept car' SXC

O novo 'crossover' da marca francesa será conhecido no Salão Automóvel de Xangai.

Pedro Amante
18 de abril de 2011, 17:59

Saído dos estúdios de Estilo Peugeot do China Tech Center em Xangai, o SXC pretende ser um crossover exclusivo e moderno, através do qual a marca francesa reafirma as suas ambições internacionais, exprimindo em todo o mundo a sua visão do futuro e a sua capacidade de aliar exigência e emoção. Este novo concept car da Peugeot será dado a conhecer ao mundo no Salão Automóvel de Xangai.

Em 2010, a Peugeot revelou a evolução dos seus códigos de identidade através de diferentes concept cars: o SR1 (roadster de grande turismo), o BB1 (citadino para 4 pessoas com 2,50 m de comprimento), o EX1 (roadster de dois lugares 100% eléctrico que bateu recordes de aceleração homologados em França e na China) e o HR1 (urbano exclusivo, inovador e hiper ligado).

O SXC (de Shangai cross Concept) retoma algumas características do mundo SUV (robustez, condução alta, protecção...), introduzindo-lhes códigos modernos, puros e plenos de raça, próximos do universo estatutário das berlinas. A realização do desenho da viatura esteve a cargo das equipas internacionais do estilo Peugeot sedeadas no China Tech Center, em Xangai. Cada detalhe foi esculpido numa carroçaria de volumes impressionantes (com o comprimento de 4,870 m, altura de 1,610 m e largura de 2,035 m).

À frente, a grelha exclusiva "flutuante", que parece destacar-se da carroçaria, declina-se harmoniosamente sobre os seus volumes. Os faróis felinos conferem-lhe um 'olhar' agressivo, em linha com o emblema da marca, embutido no capot. Outros detalhes high tech foram cuidadosamente estudados, à imagem dos retrovisores que incorporam câmaras de visão para a retaguarda. As barras de tejadilho, de desenho muito original, o contorno da superfície vidrada lateral, ... são alguns dos numerosos elementos realizados em alumínio escovado, material leve que eleva o carácter exclusivo deste automóvel. As jantes de grandes dimensões (22"), com um desenho que sugere requinte e robustez, contribuem também para o equilíbrio geral.

Uma das prioridades da Peugeot é manter nos próximos anos a sua liderança ambiental. Este concept car integra a tecnologia HYbrid4: com um motor térmico à frente (que acciona as rodas dianteiras) e um motor eléctrico atrás (accionando as rodas posteriores), esta tecnologia permite que as quatro rodas sejam motrizes quando os dois motores funcionam em conjunto, com benefício para a segurança e a aderência em condições extremas, ou rodar a baixa velocidade em modo "zero emissões" apenas com o motor eléctrico.

O motor térmico sob o capot é um 1.6 THP que debita 160 kW (218 cv). Associado a um motor eléctrico de 70 kW (95 cv), o conjunto oferece um potencial de 230 kW (313 cv) com um consumo misto de apenas 5,8 l/100 km (emissões de CO2 de 143 g/km).

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras