Nas Bancas

Arte e cultura: Uma forma diferente de viver o Verão!

Nem só de sol se vive nas férias. Conheça as exposições que se realizam em Agosto.

Paulo Brilhante
11 de agosto de 2009, 12:15

Porque afinal, Verão não é só praia, sol e bebidas frescas, escape.pt preparou-lhe uma lista de exposições que não perder durante este mês de Agosto. Nem só de praia se vivem as férias...


Encompassing the Globe - Portugal e o Mundo nos séculos XVI e XVII (Lisboa)
Exposição com mais de 200 obras de arte, que passou já por Washington e Bruxelas, onde o elevado número de visitantes registado reflecte o interesse por esta mostra sem paralelo. Exposição no Museu Nacional de Arte Antiga, em Lisboa.

30.º Salão Internacional de Pintura Naïf (Estoril)
Os 40 autores presentes na edição deste ano responderam de forma muito positiva ao apelo que lhes foi dirigido para que os trabalhos apresentados primassem pela qualidade e autenticidade naif. A Exposição patente na Galeria de Arte do Casino Estoril.

A um Passo do Sonho (Lisboa)
Exposição de Design Ecológico e artes plásticas, com trabalhos de artistas e criadores portugueses. Exposição patente no Museu da Electricidade.

Chapéus Há Muitos (Lisboa)
A Galeria CiDiarte, em Lisboa, sensibilizou os artistas amigos da Galeria, para se inspirarem na célebre frase "Chapéus há Muitos..." proferida por Vasco Santana no filme "A Canção de Lisboa", para desenvolverem um trabalho sobre este tema.

Henri Fantin-Latour (1836-1904) (Lisboa)
A exposição, organizada em parceria com o Museu Thyssen Bornemisza, apresenta cerca de 60 pinturas e alguns desenhos preparatórios agrupados em várias secções distintas, seguindo a cronologia de produção do autor. Eposição patente na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa.

Memória Resgatada - Chile 1970/1973 (Lisboa)
Alguns dias após o golpe militar de 11 de Setembro de 1973, comandado pelo General Augusto Pinochet, o fotógrafo Armindo Cardoso, refugia-se na Embaixada da República da Venezuela. As fotografias desta exposição foram captadas entre 1970 e 1973 e fazem parte deste conjunto de negativos salvos. Exposição patente no Arquivo Fotográfico Municipal de Lisboa.

Júlio Pomar no Centro de Arte Manuel de Brito (Oeiras)
Cerca de 100 obras estão reunidas nesta exposição que apresenta pinturas, desenhos, gravuras, esculturas, cerâmicas e colagens, desde a década de 1950 até a obras mais recentes.

Saiba mais em Muito Bom!

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras