Nas Bancas

Melhor Desportista Masculino: Armindo Araújo

Tetracampeão nacional de ralis e bicampeão do mundo na categoria de Produção.

Pedro Amante
4 de maio de 2011, 23:55

A paixão de Armindo Araújo, de 33 anos, pelas corridas surgiu na década de noventa e em competições de motas. Mas foi sobre quatro rodas que se sagrou tetracampeão nacional de ralis e bicampeão do mundo na categoria de Produção.

A sua primeira participação em ralis acontece quase por brincadeira, em 2000, em Montelongo. A esta incursão de sucesso pelos carros seguiu-se o Campeonato Nacional de Iniciados, que venceu logo nesse ano. Depois de conquistar as suas primeiras vitórias ao volante de um Citroën, o piloto troca a marca francesa pela Mitsubishi, no final de 2004. Depois de quatro anos a liderar o campeonato nacional, chegou então a altura, em 2007, de Armindo Araújo rumar para as competições internacionais com a participação no Production Car World Rally Championship (PWRC). Apesar dos dois primeiros anos não terem sido fáceis, o piloto, natural de Santo Tirso, não desistiu e continuou a competir no PWRC, decisão que acabou por dar os seus frutos, pois sagrou-se campeão em 2009, igualando a proeza de Rui Madeira que subiu ao lugar cimeiro deste pódio 14 anos antes. Em 2010, Armindo Araújo repete a vitória tornando-se assim bicampeão do mundo nesta categoria. A 15 de Novembro, depois de renovar este título, o piloto foi recebido no aeroporto de Lisboa por muitos fãs e admiradores que o quiseram felicitar. Entre eles, estavam a sua mulher, Teresa, e filho de ambos, Tomás.

Estas vitórias colocam-no agora, pela primeira vez, entre os nomeados para o Globo de Ouro de melhor desportista masculino.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras