Nas Bancas

jose-mata.jpg

CARAS

José Mata eleito o Melhor Ator de Cinema na Gala do Ano

Pelo desempenho em ‘Amor Impossível’, de António-Pedro Vasconcelos.

CARAS
15 de maio de 2016, 22:31

O prémio de Melhor Ator de Cinema foi entregue a José Mata na XXI Gala dos Globos de Ouro. “Obrigado à SIC e à CARAS. Parabéns aos outros nomeados e ao António-Pedro Vasconcelos, começou por dizer José Mata, antes de enaltecer o trabalho da colega Victoria Guerra, com quem contracena no filme que lhe valeu o galardão. “Obrigado Victoria, és a melhor do mundo. Estou aqui mais uma vez por tua causa, mesmo”, disse. “Dedico [o prémio] à minha família, amigos, namorada e a todos os que fazem cinema neste país”, terminou, entre aplausos da plateia.

Nascido a 25 de fevereiro de 1986, José Mata estreou-se na representação na série juvenil da TVI, Morangos Com Açúcar, quando tinha 18 anos. Teve depois uma participação especial em Inspector Max (2005) e Clube das Chaves (2005) e integrou o elenco das novelas Fala-me de Amor (2006), Deixa-Me Amar (2007), Olhos nos Olhos (2008) e Destinos Cruzados (2013), todas da TVI. Em 2013, deu vida a Mateus, uma personagem de maior destaque na novela da SIC Mar Salgado.
Em cinema, entrou nas curtas-metragens Draft e Ratos, ambas realizadas por Ruben Santos em 2007, mas foi o desempenho no filme Amor Impossível, de António-Pedro Vasconcelos, no ano passado, que lhe valeu o reconhecimento dos críticos. Em março último, José Mata foi eleito Melhor Ator de Cinema pela Sociedade Portuguesa de Autores.
Na mesma categoria estavam também nomeados Adriano Luz (no filme As Mil e Uma Noites), David Mourato (no filme Montanha) e Paulo Pires (no filme A Uma Hora Incerta).

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras