Nas Bancas

Liliana Campos: O rosto dos Globos de Ouro na SIC CARAS

A apresentadora vai conduzir pelo terceiro ano uma emissão especial da Gala dos Globos de Ouro na SIC CARAS. Nesta noite de celebração, Liliana vai comentar os vestidos da ‘red carpet’ e partilhar as emoções dos vencedores.

CARAS
8 de maio de 2016, 16:00

Nestes 21 anos de Globos de Ouro, Liliana Campos só não esteve a trabalhar numa das galas. Contudo, a experiência não lhe roubou o entusiasmo e é com uma energia sempre renovada que leva até aos espectadores as emoções, a beleza e a elegância desta festa que celebra o talento nacional. Pelo terceiro ano consecutivo, a apresentadora vai conduzir a emissão especial dos Globos de Ouro, que será transmitida na SIC CARAS. Ao longo desta noite, a apresentadora vai comentar os vestidos que se destaquem na famosa passadeira vermelha, divulgando ainda as emoções dos grandes vencedores.
Já em contagem decrescente para este desafio, Liliana conversou com a CARAS e revelou o que a continua a apaixonar nesta noite em que o talento e o glamour são protagonistas.
– Os Globos de Ouro já lhe proporadcionaram muitas aventuras, entre elas subir à Ponte 25 de Abril...
Liliana Campos – E já perdi um Globo! Houve um ano em que os vencedores foram o José Mouriadnho e o Cristiano Ronaldo. Então, fui a Londres e a Manchester entreadgar-lhes os Globos. Consegui entregar o Globo ao José Mourinho, mas para Manchester não pude levar o Globo na bagagem de mão e teve de ir para o porão. Esse Globo perdeu-se. Estivemos quase dois dias no aeroporto à espera e nada. Foi a viagem profissional mais stressante da minha vida, porque, além disso, desaparecem cabos e microfoadnes importantes para fazermos o nosso trabalho. Mas consegui ter acesso ao Cristiano, que simpaticamente agradeceu a distinção, mesmo sem ter o Globo! Claro que depois o Globo chegou até ele. Já vivi muitas aventuras e alegrias por causa desta gala. Por isso, é uma data que aguardo sempre com muita expectativa. Já faço os Globos desde o primeiro ano e só não trabalhei numa das galas. Gosto de acompanhar tudo, desde os bastidores até aos vencedores.
– E agora tem uma responsabilidade acrescida, uma vez que é a apresentadora da emissão especial dos Globos de Ouro na SIC CARAS...
– Sim, é uma grande responsabiadlidade. Vamos acompanhar os ensaios e a emissão em direto com muitos comentários e entrevistas aos vencedores. E tudo isso exige que me prepare muito bem. Vamos estar em direto antes da emissão da SIC e quando a gala começar também vamos acompanhar tudo o que acontece. Vamos dar tempo aos vencedores para expressarem todas as suas emoções e vamos apreciar todos os looks ao pormenor. Conduzir esta emissão dá-me muito prazer, porque adoro aquilo que faço. Gosto bastante deste mundo e continuo muito curiosa.
– Além dos vestidos dos convidados, a sua toilette também é importante, sobretudo depois de ter sido eleita a mulher mais elegante de 2015 pelos leitores da CARAS...
– Claro que sim! As mulheres portuguesas revelam, de ano para ano, um maior cuidado na forma como se apresentam nas festas, principalmente nesta noite que é considerada a grande festa do ano. Muitas passaram a ter os seus stylists e isso é algo recente. Há dez anos não falávamos dos stylists. Estarmos elegantes e cuidadas é uma forma de mostrarmos o nosso respeito pelo público, que está à espera de nos ver de determinada maneira nesta noite. No meu caso, sinto-me privilegiada porque tenho uma ótima equipa a trabalhar comigo. Ainda não sei o que vou vestir, mas sei que na Veste Couture já estão a pensar nisso e confio inteiramente. Depois de saber o que vou vestir, a Lúcia Piloto vai pensar na forma como vou levar o cabelo. Vou usar umas sandálias do Luís Onofre e a Raquel Peres vai maquilhar-me. Por isso, estou muito descansada.
– Há alguma escolha que seja proibida nesta red carpet?
– Acho que é proibido não respeitar o dress code. Para mim, isso é falta de educação. Há certos decotes e tamanhos de vestidos que não são de todo elegantes nem adequados a uma situação como esta. Acho que também é deselegante as pessoas pensarem no que vão vestir e depois não levarem os pés e as mãos arranjados ou não terem o cuidado necessário com o seu cabelo. Sou muito clássica, até um pouco conservadora, no que diz respeito a esta matéria.
– Celebra 45 anos no dia 27 de abril. Como é que encara o avançar da idade?
– Não me sinto com 45 anos e nem sequer penso nisso. Contudo, começo a aproximar-me dos 50... Mas os 50 são os novos 40 [risos]. Com a idade aprendemos a saborear as coisas de outra maneira, aprendemos a parar e a agradecer o que a vida nos deu. E ainda há muita coisa boa para vir, tenho a certeza. Estou numa fase da minha vida em que me sinto muito feliz e realizada.
– E para se sentir assim em muito deve contribuir a relação feliz e estável que vive com o Rodrigo [Herédia]...
– Sim, essa estabilidade emocional tem muita importância e eu consegui encontrá-la ao lado do Rodrigo. Sei que tenho ali um amigo, um companheiro, o homem pelo qual estou loucamente apaixonada e que é apaixonado por mim. Sabemos que ainda temos muito para descobrir lado a lado e quero aproveitar ao máximo todos os nossos momentos.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras