Nas Bancas

Bárbara Guimarães promete muitas surpresas na Gala dos 20 anos dos Globos de Ouro

Durante a gala, que tem lugar no próximo domingo, 24 de maio, a apresentadora vestirá criações de Carlos Gil e Filipe Faísca. 

CARAS
24 de maio de 2015, 12:00

É com um entusiasmo renovado que Bár­bara Guimarães vai voltar a pisar o palco do Coliseu dos Recreios para apresentar a XX Gala dos Globos de Ouro. Ciente do desafio que lhe foi confiado, a apresentadora garante que vai dar o seu melhor, como faz em todos os projetos televisivos que lhe são entregues.
Dedicada aos filhos, Carlota, de quatro anos, e Dinis, de 11, a apresentadora vive uma fase feliz e serena, revelando que o segredo do seu bem-estar reside no facto de saber desfrutar dos pequenos prazeres do dia-a-dia. Sem querer falar da sua vida privada, Bárbara assegura que se sente “a renascer” e é com um sorriso que dá as boas-vindas a todos os desafios que a vida lhe apresenta, sejam eles na televisão ou fora dela. Profissionalmente, Bárbara preparava-se para conduzir o programa Golfinhos com as Estrelas. Contudo, no dia de fecho desta edição, 18 de maio, este foi suspenso, conforme comunicado enviado pela estação de Carnaxide, que tomou a decisão depois de pareceres desfavoráveis ao programa por parte do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, assim como da Direção Geral de Alimentação e Veterinária. Bárbara reagiu no mesmo dia, já depois da entrevista que se segue: “A estação comunicou-me esta tomada de decisão hoje, que compreendo. Estou, como sempre estive, disponível para os desafios que a SIC me propuser, seja este ou outro diferente. Neste momento, a minha prioridade é já no próximo domingo a gala do ano que são os Globos de Ouro.”
– Apresentar a Gala que assinala os 20 anos de Globos de Ouro é uma grande responsabilidade...
Bárbara Guimarães – Vamos todos celebrar 20 anos de muito talento. Vamos ter uns Globos de Ouro onde várias gerações se vão cruzar, várias estrelas que nasceram nos programas da SIC vão cantar, vamos ter um grande desfile das caras da nossa estação, vários convidados... Estes Globos vão ser top, top, top! No fundo, vai ser uma grande festa de anos. Os Globos são um mundo de surpresas, de prémios... Tudo pode acontecer.
– Nas galas anteriores já se viu uma Bárbara sensual, divertida, irreverente, emotiva... Que Bárbara vamos ver este ano?
– Já toquei saxofone, já dancei, já vim do céu! Houve momentos muito divertidos. Cada gala tem histórias que ficam. Faço parte de uma grande equipa, sou apenas mais uma.
– É mais uma na equipa, mas é a cara dos Globos, o que é um motivo de orgulho...
– Não há lugares cativos para ninguém! Na nossa profissão nunca sabemos as voltas que a vida e a televisão vão dando. E é bom que surjam outras caras e a SIC tem apostado nisso mesmo. A SIC aposta no que é original, por isso é que tem feito programas que não se veem em mais nenhuma estação.
– A Bárbara faz televisão há 20 anos e é considerada uma das melhores apresentadoras nacionais. Qual é o segredo para se manter sempre no topo?
– É muito importante uma apresentadora reinventar-se. Temos de ir mudando. Se há uma coisa que não gosto é de ficar estagnada num tipo de apresentação. Gosto muita da diversidade de programas que já conduzi!
– A Bárbara parece estar muito tranquila. Sente-se mais leve e fresca?
– Sinto-me mais madura e mais jovem. Penso que a maturidade me está a trazer juventude. Sinto que renasci. ‘Reinventar’ é a pala-
vra-chave para os apresentadores de televisão.
– Começou esta nossa produção a rir, como se pode ver nas fotografias. Está numa fase feliz da sua vida?
– Comecei a rir-me, porque há muitos anos que trabalho com esta equipa da CARAS. O fotógrafo conhece-me bem e estávamos a tirar uma fotografia muito certinha, na pose correta. Depois de já termos aquela foto mais formal, perguntei se podia “brincar” um bocadinho. Deram-me carta branca e eu disse logo: “Vou-me já sentar, porque os saltos são muito, muito altos!” [risos] Há de facto alegria no trabalho. E temos de celebrar isso mesmo! Vestimos os quatro criadores nomeados e dois deles, o Carlos Gil e o Filipe Faísca, vão fazer os vestidos que vou usar na gala. Sinto-me sempre muito mimada pelos estilistas. E vou calçar [Luís] Onofre.
– Mostrou aí o seu lado mais irreverente, aquele que é capaz de surpreender o público. E a Bárbara, gosta de se deixar surpreender pela vida?
– Sim, gosto muito de me deixar surpreender pela vida. Devemos valorizar todos os momentos bons que vamos vivendo. Por exemplo, quando estamos a regressar a casa de carro e está um final de tarde lindo, é bom saborear esse momento. Gosto de viver as pequenas coisas com intensidade. Vivo com paixão todos os momentos do meu dia-a-dia.
– A Bárbara está em excelente forma física. Mudou alguma coisa na sua alimentação ou na sua rotina desportiva?
– Faço muito exercício físico e tem-me feito bem a tudo, principalmente à cabeça. Quando acordo e sei que nesse dia não posso ir treinar, já não é a mesma coisa. Tenho um personal trainer, com quem faço um circuito, e depois acabo a aula a fazer kickboxing. Há um truque para não se desistir do desporto, que é ter uma amiga que o pratique connosco! Assim, uma puxa pela outra. Também gosto muito de fazer pilates, de fazer as minhas caminhadas... Tento ter uma vida saudável. Também me alimento bem, até porque só dessa maneira é que posso cometer alguns pecados. Sou muito petisqueira. 

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras